ARTIGO COM VÍDEO – Port Elizabeth recebeu neste sábado o duelo entre África do Sul e Austrália pela penúltima rodada do Rugby Championship, em partida que era crucial para os donos da casa sul-africanos, que precisavam vencer para seguirem sonhando com título. A vitória foi dos Boks, 23 x 12, que cederam menos penais e conquistaram 4 pontos preciosos na classificação geral, mantendo os Wallabies em crise.

No primeiro tempo, a África do Sul se aproveitou do erro australiano nos primeiros segundos do jogo quando Aphiwe Dyanti marcou um try inesperado. Os Wallabies se perguntavam como os Boks foram capazes de deter uma linha de defesa forçando uma jogada equivocada

O destaque do primeiro tempo é para o scrummer sul-africano Faf de Klerk. Ele iniciava jogadas rápidas nos tackles e permitia uma resposta rápida como no try de Syla Kolisi.

Mas os australianos responderam com tries de jogadas rápidas feitas por Willie G aos 29 e Dany Hodgey aos 25. Placar do 1º Tempo: Springboks 20 vs Wallabies 12

- Continua depois da publicidade -

Com mais uma falta australiana, jogador sul-africano Handré Pollard marca o primeiro pen do segundo tempo.

Aphiwe Dyanti foi penalizado com um cartão amarelo e ficou 10 minutos no banco por uma jogada de jogo para fazer um tackle contra a Austrália.

O jogo no segundo tempo foi renhido tanto por causa dos tackles e dos scrums. Os sul-africanos seguraram o jogo ao conter jogadores australianos como Michael Hopper e Israel Folau.

Os australianos foram mais rápidos nos ataques. Mas tiveram que lidar com a linha de defesa sul-africano que poderia conter os avanços sem as faltas junto com as jogadas rápidas de Faf De Klerk.

No sábado que vem, a África do Sul receberá a Nova Zelândia em jogo que poderá ser a decisão do título. Mas isso só ocorrerá caso a Nova Zelândia seja hoje derrotada pelos All Blacks. Se os neozelandeses vencerem os Pumas já serão campeões. Os Wallabies, por sua vez, visitarão a Argentina no dia 6.

Escrito por: César Augusto, editor do Planeta Rugby

23versus copiar12

África do Sul 23 x 12 Austrália, em Porto Elizabeth

Árbitro: Jérôme Garcès (França)

África do Sul

Tries: Dyantyi e De Klerk

Conversões: Pollard (2)

Penais: Pollard (3)

15 Willie le Roux, 14 Cheslin Kolbe, 13 Jesse Kriel, 12 André Esterhuizen, 11 Aphiwe Dyantyi, 10 Handré Pollard, 9 Faf de Klerk, 8 Sikhumbuzo Notshe, 7 Pieter-Steph du Toit, 6 Siya Kolisi (c), 5 Franco Mostert, 4 Eben Etzebeth, 3 Frans Malherbe, 2 Malcolm Marx, 1 Tendai Mtawarira;

Suplentes: 16 Bongi Mbonambi, 17 Steven Kitshoff, 18 Wilco Louw, 19 RG Snyman, 20 Marco van Staden, 21 Embrose Papier, 22 Elton Jantjies, 23 Damian Willemse;

Austrália

Tries: Hodge e Genia

Conversões: Toomua (1)

15 Dane Haylett-Petty, 14 Israel Folau, 13 Reece Hodge, 12 Matt Toomua, 11 Marika Koroibete, 10 Kurtley Beale, 9 Will Genia, 8 David Pocock, 7 Michael Hooper (c), 6 Ned Hanigan, 5 Izack Rodda, 4 Adam Coleman, 3 Taniela Tupou, 2 Tatafu Polota-Nau, 1 Scott Sio;

Suplentes: 16 Folau Faingaa, 17 Sekope Kepu, 18 Allan Alaalatoa, 19 Rory Arnold, 20 Rob Simmons, 21 Nick Phipps, 22 Bernard Foley, 23 Jack Maddocks;

 

PaísApelidoJogosPontos
Nova ZelândiaAll Blacks525
África do SulSpringboks515
AustráliaWallabies59
ArgentinaLos Pumas58