Uruguai derrotou a Rússia na largada da Nations Cup. Foto: World Rugby

ARTIGO COM VÍDEOS – Montevidéu é a casa do rugby em junho. Além do Sul-Americano M18, a capital uruguaia estão respirando Copa do Mundo. Isso porque três seleções que estarão no Mundial de 2019 estão encarando no Estadio Charrua a Copa das Nações do World Rugby – a Nations Cup. Na rodada de abertura, a Argentina XV (que se prepara para encarar a Currie Cup sul-africana) teve trabalho para vencer a Namíbia, ao passo que o Uruguai se impôs sobre a Rússia em um jogão.

O jogo de abertura opôs a Argentina XV, com a base do time campeão do Americas Rugby Championship e do Sul-Americano, e a Namíbia, que não contou com alguns atletas importantes. Esperava-se um jogo desigual e de amplo domínio argentino, mas os Welwitschias resistiram bem e ainda souberam romper a defesa adversária.

O primeiro try da Namíbia veio em maul, finalizado por Nortje. A Argentina XV deu troco com Montero atropelando na linha, mas os africanos voltaram a marcar try com Mouton voando na ponta e o jogo só não foi ao intervalo com vantagem da Namíbia porque o scrum argentino arrancou penal try após a Namíbia ser reduzida a 14 atletas por amarelo. Mas os africanos seguiram abusados e viraram o placar na volta dos vestiários com Greyling apanhando chute cruzado. Porém, o físico foi determinante no fim e a Argentina XV dominou o restante do jogo para marcar mais 3 tries com sua linha – um de Sbrocco e dois de Facundo Cordero. 39 x 25, números finais.

Já o Uruguai (16º do Ranking Mundial) encarou a Rússia (20ª do Ranking) e deu a impressão de que atropelaria, mas viu os Ursos reagiram na segunda etapa. O jogo começou com os Teros – jogando com força máxima – marcando try no primeiro ataque no pick and go do hooker Kessler. Mas a Rússia empatou na mesma moeda como hooker Matveev. A linha uruguaia passou a ditar as jogadas mais agudas e Nicolás Freitas disparou para 2 tries em sequência que davam a impressão de vitória sem sustos. Matveev respondeu com try a partir de maul , mas Gaminara finalizou na ponta o quarto try, recebendo offload e colocando 29 x 12 no marcador.

- Continua depois da publicidade -

Osegundo tempo começou brilhante com belo try do asa Civetta usando os pés em contra-ataque. Mas os Ursos acordaram, Matveev fez seu terceiro try (hat-trick de primeira linha) em outro maul devastador e Golosnitskiy cravou try que dava esperanças aos russos aos 61′, reduzindo o placar a 36 x 24. Mas no fim quem deu as cartas foram os Teros, que souberam controlar a reta final e marcaram dois tries com seu pack, com Magno e Echeverria. 48 x 26, placar final.

As ações da Copa das Nações voltam no domingo, com o Uruguai encarando a Namíbia e a Rússia desafiando a Argentina XV.

 

*Horários de Brasília

Terça-feira, dia 04 de junho

39versus copiar25namibia logo copy copy copy

Argentina XV 39 x 25 Namíbia, em Montevidéu

Árbitro: Ben Whitehouse (Gales)

Argentina

Tries: Cordero (2), Montero, penal try e Sbrocco

Conversões: Castiglioni (3)

Penais: Castiglioni (1) e Roger (1)

1 Nicolás Solveyra, 2 Jose Luis González, 3 Lucas Favre, 4 Ignacio Calas, 5 Jerónimo Ureta, 6 Nicolás Sbrocco, 7 Lautaro Bavaro (c), 8 Santiago Montagner, 9 Martín Landajo, 10 Teo Castiglioni, 11 Manuel Montero, 12 Bautista Ezcurra, 13 Agustín Segura, 14 Facundo Cordero, 15 Tomás Albornoz

Replacements: 16 Diego Fortuny, 17 Rodrigo Martínez, 18 Luciano Ortiz, 19 Lucas Santa Cruz, 20 Rodrigo Bruni, 21 Manuel Nogués, 22 Martín Roger, 23 Tomás Cubilla

 

Namíbia

Tries: Nortje, Mouton e Greyling

Conversões: Loubser (2)

Penais: Loubser (2)

1 Desiderius Sethie, 2 Obert Nortje, 3 Johan Coetzee, 4 AJ Retief, 5 Tjiuee Uanivi, 6 Thomasau Forbes, 7 Muharua Katjijeko, 8 Janco Venter, 9 Eugene Jantjies, 10 Cliven Loubser, 11 Oderich Mouton, 12 Darryl De La Harpe, 13 Johan Deysel (c), 14 JC Greyling, 15 Johan Tromp

Replacements: 16 Niel Van Vuuren, 17 Andre Rademeyer, 18 AJ De Klerk, 19 Wian Conradie, 20 Prince Gaoseb, 21 Helarius Kisting, 22 Justin Newman, 23 PW Steenkamp

 

48versus copiar26

Uruguai 48 x 26 Rússia

Árbitro: Frank Murphy (Irlanda)

Uruguai

Tries: Freitas (2), Kessler, Gaminara, Civetta, Magno e Echeverría

Conversões: Favaro (5)

Penais: Favaro (1)

1 Mateo Sanguinetti, 2 German Kessler, 3 Juan Pedro Rombys, 4 Gonzalo Soto, 5 Manuel Leindekar, 6 Juan Manuel Gaminara (capt.), 7 Santiago Civetta, 8 Manuel Diana, 9 Tomás Inciarte, 10 Juan Manuel Cat, 11 Rodrigo Silva, 12 Andrés Vilaseca, 13 Nicolás Freitas, 14 Federico Favaro, 15 Felipe Etcheverry

Replacements: 16 Guillermo Pujadas, 17 Facundo Gattas, 18 Juan Echeverria, 19 Diego Magno, 20 Alejandro Nieto, 21 Manuel Ardao, 22 Santiago Arata, 23 Juan Pablo Constabile

 

Rússia

Tries: Matveev (3) e Golosnitskiy

Conversões: Kushnarev (2) e Gaisin (1)

1 Andrei Polivalov, 2 Evgeny Matveev, 3 Kirill Gotovtsev, 4 Evgeny Elgin, 5 Bogdan Fedotko, 6 Eme Patris Peki, 7 Tagir Gadzhiev, 8 Victor Gresev, 9 Dmitry Perov, 10 Yury Kushnarev, 11 Kirill Golosnitskiy, 12 Dmitry Gerasimov, 13 Vladimir Ostroushko, 14 German Davydov, 15 Vasily Artemyev (capt.)

Replacements: 16 Sergey Chernyshev, 17 Evgeny Mishechkin, 18 Vladimir Podrezov, 19 Alexander Ilin, 20 Roman Khodin, 21 Vasily Dorofeev, 22 Ramil Gaisin, 23 Vladislav Sozonov

 

Demais rodadas

Dia 09/06 – Argentina XV x Rússia

Dia 09/06 – Uruguai x Namíbia

 

Dia 15/06 – Rússia x Namíbia

Dia 15/06 – Uruguai x Argentina XV