Foto: Premiership Rugby

A Copa do Mundo vai entrar em seu mata-mata, mas as ligas europeias estão rolando e nesse fim de semana terá início a Gallagher Premiership, o Campeonato Inglês, uma das grandes ligas do planeta oval. São 12 clubes brigando pelo título da Terra da Rainha: quem leva?

A Premiership terá transmissão online para o Brasil pelo Watch ESPN.

 

Formato

- Continua depois da publicidade -

A Premiership conta com 12 clubes:

  • Cada equipe enfrenta as demais 2 vezes, em um total de 22 rodadas, de 18 de outubro a 6 de junho de 2020;
  • Os 4 primeiros colocados avançam às semifinais e a final será no dia 20 de junho de 2020;
  • Os 6 primeiros colocados se garantem na Heineken Champions Cup, a Copa Europeia de 2020-21;
  • O 12º colocado será rebaixado;

 

Expectativas

Mais uma vez, Saracens e Exeter Chiefs promete dominar o campeonato, tendo disputa entre si 3 das últimas 4 finais da Premiership. O Saracens foi o campeão de 4 dos últimos 5 campeonatos (2015, 2016, 2018 e 2019), com os Chiefs conseguindo a taça em 2017.

Porém, a exemplo de 2018-19, a Premiership vem se apresentando como uma das ligas mais parelhas e imprevisíveis do mundo, com todos os demais times aptos a chegarem às semifinais. Gloucester, Harlequins, Northampton e Sale Sharks são os mais ambiciosos e cotados, enquanto o Bristol Bears planeja o passo adiante e o Bath batalha para se manter entre os concorrentes diretos. Os olhares ainda estão sobre os gigantes Wasps e Leicester Tigers, que decepcionaram na temporada passada e estão pressionados por retomarem protagonismo, enquanto London Irish e Worcester Warriors vão se preparando para batalhas árduas pela permanência na primeira divisão. Mas o Irish é ambicioso e pode ser uma grata surpresa.

 

1ª rodada

Dia 18/10: Bristol Bears x Bath

Dia 19/10: Exeter Chiefs x Harlequins – Watch ESPN AO VIVO

Dia 19/10: Sale Sharks x Gloucester

Dia 19/10: Saracens x Northampton Saints – Watch ESPN AO VIVO

Dia 19/10: Worcester Warriors x Leicester Tigers – Watch ESPN AO VIVO

Dia 20/10: Wasps x London Irish

 

Clubes

Bath rugby badge copy

Bath

Cidade/Estádio: Bath – The Recreation Ground (14.500 lugares)

2018-19: 6º lugar

2019-20: O Bath passou por um processo de renovação de seu elenco e nomes importantes saíram, com o time não fazendo nenhuma contratação maior. As semifinais podem ter ficado mais distantes;

 

Bristol Bears

Cidade/Estádio: Bristol – Ashton Gate (27.000 lugares)

2018-19: 9º lugar

2019-20: O Bristol cumpriu com sua missão de permanência na última temporada e agora mira em chegar à Champions Cup, mas é inegável que mais uma temporada evitando o rebaixamento já será suficiente. Nathan Hughes foi o reforço principal;

 

exeter

Exeter Chiefs

Cidade/Estádio: Exeter – Sandy Park (13.000 lugares)

2018-19: Vice campeão

2019-20: O Exeter Chiefs segue na lista dos maiores candidatos a título e trouxe ninguém menos que o fullback escocês Stuart Hogg. No entanto, Santiago Cordero deixou a equipe. Ainda assim, os Chiefs, do técnico genial Rob Baxter, prometem muito de novo;

 

Gloucester

Cidade/Estádio: Gloucester – Kingsholm Stadium (16.100 lugares)

2018-19: Semifinalista

2019-20: O Gloucester deu uma passo adianta na temporada passada, liderado por Heinz e Cipriani. Novamente, os Cherry and Whites vão brigar por semifinais, tendo mantido a base do time bem sucedido;

 

Harlequins copy copy

Harlequins

Cidade/Estádio: Londres – Twickenham Stoop (14.800 lugares)

2018-19: 5º lugar

2019-20: O Harlequins flertou com as semifinais o tempo todo na última temporada, mas ficou de fora. Os londrinos se reforçaram com Landajo, Campagnaro, Goneva, e, com isso, voltam a estar na lista dos candidatos a semifinal. Paul Gustard, no corpo técnico, é talvez o nome que mais inspira confiança de mais evolução no time do bairro de Twickenham;

 

Leicester Tigers copy

Leicester Tigers

Cidade/Estádio: Leicester – Welford Road (25.800 lugares)

2018-19: 11º lugar

2019-20: Maior campeão inglês, o Leicester Tigers viveu o pesadelo de flertar com o rebaixamento na última temporada. O elenco é forte e sofreu intensa remodelação, com as chegadas de Lavanini e Jordan Taufua. O time de Ford, Tuilagi, May e Youngs pode mais, mas ainda está envolto de mais dúvidas que certezas. No papel, os Tigers deveriam brigar por Champions Cup, no mínimo, e semifinais, idealmente;

 

London Irish

Cidade/Estádio: Reading – Madejski Stadium (24.100 lugares)

2018-19: Campeão da 2ª divisão

2019-20: Recém promovido, o London Irish foi o clube que mais investiu, trazendo nomes do calibre de Nick Phipps, Sean O’Brien, Allan Dell, Waisake Naholo, Sekope Kepu e Adan Coleman. Pack forte para buscar permanecer na elite, que é o objetivo central;

 

Northampton Saints copy copy

Northampton Saints

Cidade/Estádio: Northampton – Franklin’s Gardens (15.200 lugares)

2018-19: Semifinalista

2019-20: Os Saints foram a maior surpresa da temporada passada, pois não estavam cotados para serem semifinalistas e chegaram lá. A base do time foi mantida, com o neozelandês Owen Franks chegando, mas com James Haskell se aposentando. Comandado pelo técnico neozelandês Chris Boyd e liderado pelo 9 artilheiro Cobus Reinach, Northampton quer se consolidar nesse novo momento;

 

Sale Sharks copy copy

Sale Sharks

Cidade/Estádio: Salford (Manchester) – AJ Bell Stadium (12.000 lugares)

2018-19: 7º lugar

2019-20: O time de Manchester investiu nos últimos anos, sobretudo com craques sul-africanos como Faf De Klerk e agora com as chegadas de Lood de Jager, Robert du Preez, entre outros. Espere um time com qualidade Boks e batendo na porta das semis;

 

Saracens logo

Saracens

Cidade/Estádio: Londres – Allianz Park (10.000 lugares)

2018-19: Campeão

2019-20: Melhor time da Inglaterra no momento, campeão 4 vezes nos últimos 5 anos, o Saracens segue como a equipe a ser batida. O clube do norte de Londres tem um elenco estrelado, de Vunipolas, Itoje, Farrell e agora com Daly e o sul-africano Willemse reforçando suas fileiras. O timaço do técnico Mark McCall é o maior favorito;

 

Wasps

Cidade/Estádio: Coventry – Ricoh Arena (32.600 lugares)

2018-19: 8º lugar

2019-20: Clube hoje com maior orçamento da Inglaterra, o Wasps desapontou na temporada passada. O técnico Dai Young lamentou as perdas de Willie Le Roux e Elliot Daly, mas o italiano Minozzi e o neozelandês Fakitoa desembarcaram em Coventry. Há muitas dúvidas ao redor da equipe ainda, mas o objetivo mínimo é voltar à Champions Cup, ainda que a cobrança seja toda por vaga nas semis;

 

Worcester Warriors

Worcester Warriors

Cidade/Estádio: Worcester – Sixways Stadium (11.500 lugares)

2018-19: 10º lugar

2019-20: O Worcester Warriors entra em 2019-20 como o time mais arriscado de rebaixamento. Foram poucas contratações – o bom centro/ponta samoano Fidow foi a maior – para um time que flertou com rebaixamento na temporada passada. Permanência já será uma conquista para os Warriors, que perderam o artilheiro galês Josh Adams;

 

Histórico

 ClubeTítulosAnos
Leicester Tigers copyLeicester Tigers101988, 1995, 1999, 2000, 2001, 2002, 2007, 2009, 2010 e 2013
Bath rugby badge copyBath61989, 1991, 1992, 1993, 1994 e 1996
Wasps61990, 1997, 2003, 2004, 2005 e 2008
Saracens logoSaracens52011, 2015, 2016, 2018 e 2019
exeterExeter Chiefs12017
Harlequins copy copyHarlequins12012
Newcastle Falcons11998
Northampton SaintsNorthampton Saints12014
Sale Sharks copySale Sharks12006