Handré Pollard é atualmente o atleta mais bem pago do mundo. Foto: Bruno Ruas @ruasmidia

Tempo de leitura: 2 minutos

Quais posições são mais valorizadas on rugby? A Esportif Inteligence levantou os salários pagos nas três grandes ligas europeias – o Top 14 francês, a Premiership inglesa e o PRO14 de irlandeses, galeses e escoceses – e o resultado foi esse.

A resposta é: os segundas linhas. A média dos salários dos camisas 4 e 5 é a maior entre todas as posições no PRO14 e a segunda maior no Top 14 e na Premiership. Na Inglaterra e na França são os aberturas que têm a maior média salarial, mas no PRO14 eles estão apenas em terceiro lugar. Quem também é destaque no ranking são os camisas 3, que estão em segundo lugar no PRO14 e em quarto no Top 14 e na Premiership.

- Continua depois da publicidade -


Mas quem são os atletas mais bem pagos da Europa? O ponta e fullback neozelandês Charles Piutau, do Bristol, da Inglaterra, e o abertura sul-africano campeão do mundo Handré Pollard, do Montpellier, da França, têm os maiores salários, sendo os únicos atletas a ganharem o equivalente a 1 milhão de libras por ano (mais de 7 milhões de reais). O segunda linha inglês Maro Itoje, do Saracens, é o terceiro, recebendo 800 mil libras (cerca de 5,7 milhões de reais).