Projeto UmRio concorre a prêmio da RFU inglesa

A ação social UMRio [ONERio] está a um passo de ganhar o RFU Presidents Award – Beyond Rugby (Prêmio Presidencial da RFU, a federação inglesa de rugby, entidade máxima do rugby inglês) para organizações e indivíduos que utilizam o rugby para promover desenvolvimento e mudança social, transformando vidas e comunidades.

 

O UMRio [ONERio] é uma organização sem fins lucrativos que, em parceria com a Seleção de Rugby da Universidade de Oxford, visa promover paz, inclusão, liderança, e solidariedade entre jovens que vivem dentro e em torno das favelas do Rio de Janeiro.

 

O fundador e Presidente do UMRio [ONERio], Robert Malengreau, vai para o evento junto com Henry Hughes (jogador da seleção de Oxford e membro da equipe de projeto do UMRio). O vencedor será anunciado durante a partida Inglaterra x Barbarians, no dia 30 de maio, em Twickenham, Londres.

 

“A nomeação é um selo de confiança da federação inglesa, a mais antiga e talvez mais importante federação de rugby do mundo. Fomos indicados pela Universidade de Oxford em março e esta confiança chega em um momento fantástico para a gente. Nosso CNPJ saiu em março, o nosso site (www.umrio.org) está para sair esta semana, a nossa equipe administrativa aumentou, e em agosto vamos comemorar o nosso aniversario de dois anos – com a presença confirmada de quatro jogadores da Universidade de Oxford (dois dos quais vieram no nosso ano piloto). Estamos agora fechando uniforme para as crianças, incluindo 82 chuteiras da Gilbert, e o material do nosso premio do AIG está a caminho”, comemorou Robert. “Chegamos em 2013 com o objetivo de atender 30 jovens em nosso ano piloto, mas logo 57 já frequentavam os nossos treinos. Hoje, temos 132. E a tendência e a expectativa é que aumente significativamente em agosto”, completou.

 

Entre os ganhos do UmRio está a chegada de um educadora, que realizará um trabalho de orientação educacional. “A chegada da Jiselle Steele vai fortalecer nosso impacto educacional. Estamos na fase de planejamento estratégico das novas ações, mas a proposta é  ajudar os jovens a estruturarem seus objetivos profissionais e educacionais, fazendo com que o UmRio não seja apenas restrito à prática do rugby, sendo um instrumento educacional que faça a diferença na vida das crianças”, comentou Roberto. “O projeto sempre teve essa proposta, mas começamos mais forte com o rugby, promovendo um senso de comunidade entre os jovens”.

 

A UmRio trabalha atualmente no Morro do Castro, no município de São Gonçalo.

 

Para mais, acesse a página da UmRio (clique aqui).
 

Comentários