Loughborough derrotando Harlequins. Foto: Loughborough Lightning

Tempo de leitura: 2 minutos

ARTIGO COM VÍDEOS – A Premier 15s, o Campeonato Inglês, confirmou nesta semana o aumento do teto salarial, isto é, do orçamento que cada clube pode usar para remunerar atletas. A partir da próxima temporada, cada clube poderá gastar 120 mil libras por ano, o equivalente a cerca de 900 mil reais com salários de atletas.

O aumento significará que os clubes passarão a contar com parte de seu elenco formado por atletas contratadas em tempo integral, como profissionais. A liga, com isso, poderá ver um aumento de atletas internacionais nos elencos, por ser a principal liga profissional do mundo na categoria.

A competição está no momento com vários jogos sendo cancelados ou adiados por conta da pandemia, mas quatro jogos tiveram lugar no último fim de semana, com as novatas do Exeter Chiefs sendo destaque pela arrancada que estão tendo, encostando de vez na briga pelas semifinais. Porém, o resultado mais impactante do fim de semana foi a derrota das Harlequins para o Loughborough, novo vice líder. As Saracens seguem no topo.



- Continua depois da publicidade -

Premier 15s – Campeonato Inglês Feminino

Saracens 36 x 10 Gloucester Hartpury

Bristol Bears 22 x 12 Sale Sharks

Harlequins 17 x 20 Loughborough Lightning

Worcester Warriors 10 x 17 Exeter Chiefs

 ClubeCidadeJogosPontos
SaracensLondres1150
HarlequinsLondres1246
Loughborough LightningLoughborough1242
Wasps FCLondres1140
Exeter ChiefsExeter 1234
Gloucester-Hartpury Hartpury (Gloucester)1125
Bristol BearsBristol1222
Worcester WarriorsWorcester1216
sale sharksSale SharksSale (Manchester)1110
DMP Durham SharksDarlington100
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;
- 1º a 4º lugares = classificação às Semifinais