No último final de semana, 23 alunos entre 12 e 15 anos deixaram o descanso de lado e voltaram para a sala de aula, mas com objetivo diferente. Ao invés de português e matemática, as salas de aula do CEU Meninos foram abertas para ensinar as regras do Rugby.

Coordenado pelo educador e árbitro Mariano de Goycochea, o projeto Escola de Árbitros da HURRA!, deu início a uma nova turma. Nos últimos anos a Escola de Arbitragem teve a inclusão de diversos jovens nos quadros da Federação Paulista de Rugby. O Projeto visa capacitar e treinar novos árbitros para incluí-los no mercado de trabalho. Com cursos e práticas periódicas os alunos recebem treinamento até se tornem árbitros de Rugby.

O curso conta em 2017 com o patrocínio da FPR, que é parceira da entidade no desenvolvimento da modalidade. Com um resultado concreto, hoje cinco árbitros e auxiliares formados pela HURRA! fazem parte dos quadros da Federação. As funções são remuneradas e exercidas aos fins de semana, permitindo aos alunos obter uma fonte de renda sem comprometer seus estudos.

Nesta primeira aula, os alunos tiveram contato com aspectos do trabalho da arbitragem, e suas responsabilidades. Nos próximos encontros, será a vez de mergulhar nas regras do esporte.

- Continua depois da publicidade -

O curso tem duração de um ano e beneficia toda a cadeia produtiva do esporte, além de ser uma grande vitrine para as oportunidades que o crescimento da modalidade oferece.