Rio Branco vence Wallys, e se classifica em 2o

Neste sábado o Rio Branco foi a Louveira enfrentar o Wallys pela Taça Tupi. O confronto foi marcado por um disputa acirradíssima, que terminou com a vitória dos visitantes por dezessete a três, o suficiente para quebrar a invencibilidade de 13 jogos da equipe listrada, mas não para encerrar a fase de classificação na liderança, empatando em pontos, mas perdendo no critério de desempate. Contudo, com o tropeço da Poli fora de casa diante do Niterói, a classificação veio, e agora a disputa será contra os rubro-negros do Rio, dono da melhor campanha da competição.
 

O primeiro tempo começou com o campo muito úmido devido às chuvas da semana. Logo no primeiro minuto de jogo o Rio Branco abriu o placar com um try não convertido do segunda linha André Vinícius vindo de uma série de passes. Contudo o primeiro tempo, e o jogo como um todo, ficou caracterizado por muitos penais e knock-ons para os dois times, deixando o jogo bastante truncado. Na metade da primeira etapa, na saída de um dos diversos scrums ganhos pelos visitantes, o Oitavo Jonathan anotou mais um, ampliando o placar para os visitantes. O chute não foi convertido, fechando o primeiro tempo com dez pontos de vantagem para os visitantes, que precisavam do ponto de bonificação para terminar em primeiro no grupo.
 

Após este, não houveram mais tries no primeiro tempo. Contudo o excesso de penais fez com os Pelicanos terminassem a primeira etapa com dois jogadores temporariamente suspensos por cartões amarelos. Entretanto o Wallys não aproveitou a ausência dos dois jogadores adversários, sendo ineficaz em suas tentativas de vazar a defesa paulistana.
 

Os penais seguiram no segundo tempo, quando Gastón abriu o placar para os listrados num chute aos dez minutos aproximando os anfitriões no placar. Vantagem que duraria pouco, já que seis minutos mais tarde o abertura Daniel
Aiex anotou seu try , convertendo-o e estabelecendo o que foi o que foi o placar final da partida, três para o Wallys a dezessete para o Rio Branco. No final do jogo o Rio Branco teve, ainda, mais um jogador retirado de campo com cartão devido a sucessivas infrações cometidas.
 

Placar Final: Wallys (00) 03 X 17 (10) Rio Branco

Árbitro: Mariano de Goycochea

Auxiliares de linha: Lucas Gurgel e Juan Rapetti

4o árbitro: Tomás de Goycochea

Local: Campo do IAC – Louveira, SP

 
Wallys

Penal: Gastón
 

Rio Branco

Tries: André Vinícius, Jonathan Delattre e Daniel Aiex
Conversão: Daniel Aiex

 

Artigo por Bruno Piato
Foto: Jhonny Moises/Fotojump

Comentários