O rugby dos estaduais no Brasil está na reta final e nesse fim de semana São Paulo e Rio Grande do Sul viverão suas semifinais. Vamos passar o olho no que vem por aí em dois dos estaduais mais fortes do país?

 

A hora dos que vieram de baixo

De baixo? Pois é, os dois clubes que no ano passado jogaram a Taça Tupi e garantiram promoção ao Super 8 para este ano começaram 2017 de vento em popa e foram os melhores da primeira fase do Campeonato Paulista, garantindo o mando de jogo nas semifinais contra dois gigantes campeões brasileiros recentemente.

- Continua depois da publicidade -

Na Universidade de São Paulo, a ascendente e sensação Poli buscará um passo a mais rumo a um título inédito recebendo o atual campeão São José, que faturou o título paulista em 11 dos últimos 13 anos. Do outro lado, no Vale do Paraíba, o Jacareí objetiva seguir na trilha dos títulos e, após ser campeão da Taça Tupi e do Super Sevens Masculino, tentará também um título inédito e tentará alcançar sua primeira final estadual recendo o SPAC, que sonha em recuperar um título que não é seu desde 1999.

O Campeonato Paulista de 2017 vem sendo o mais equilibrado e imprevisível de sua história recente, em parte porque os clubes não puderam contar com alguns de seus principais nomes, envolvidos com os Tupis durante quase todo o período da competição. A diferença de pontos entre os quatro semifinalistas foi de somente 6 pontos, com o quarto colocado São José alcançando a classificação por um triz, já que se tivesse sofrido uma última conversão contra o Band Saracens estaria eliminado da luta pelo título. Inversamente, a Poli foi o time que menos passou dificuldades no torneio, tendo liderado de forma invicta a competição de ponta a ponta, sofrendo sua única derrota apenas no último jogo, contra o Jacareí, e de virada.

Nos confrontos diretos entre os semifinalistas em 2017, a Poli chega ao confronto com o São José tendo em seu currículo uma histórica vitória sobre os joseenses por eloquentes 23 x 07 em São José dos Campos na segunda rodada, quando fez acender o sinal de alerta em Sanja, alertando para aquela que seria uma tortuosa sequência de campeonato para o atual campeão, que sofreu em seu processo de renovação deste ano. Ao passo que para a Poli a vitória contra o São José, logo após derrotar outra potência, o Pasteur, era a confirmação de que os Ratos estavam chegando em 2017 em um novo patamar, depois de uma temporada sofrida no estadual de 2016.

O Jacareí, por sua vez, sofreu uma dura derrota em casa na última vez que encontrou o SPAC, um 25 x 17 na quinta rodada. Vitória como visitante importantíssima para os Leões britânicos da capital, que entravam de cabeça dentro do G4 para se confirmarem no mata-mata. Aquela derrota colocara os Jacarés sob ameaça de uma queda para fora do G4, o que acabou não ocorrendo. O SPAC já vinha de bom retrospecto recente em Jacareí, tendo arrancado um empate em 2016. Agora, para o Jacareí, a semifinal trará o desafio da volta por cima, sobretudo porque no ano passado o clube do Vale também fez a semifinal do estadual em casa e acabou derrotado pelo Pasteur.

 

Alguém tira a taça do Farrapos?

No Rio Grande do Sul, dois grandes clássicos regionais movimentarão as semifinais com dois cenários bem distintos. No Clássico da Serra Gaúcha, o Farrapos defende uma invencibilidade histórica que vem sendo sustentada desde 2009 no estadual encarando seu irmão mais velho, porém rejuvenescido, o SC Rugby, de Caxias do Sul. Os alviverdes de Bento Gonçalves buscam o oitavo título consecutivo do Gaúcho e não foram ameaçados até aqui em 2017. Além de liderar o Gaúcho de forma invicta, o Farrapos também lidera a Liga Sul, não sabendo até aqui o que é perder. Contra o SC Rugby, o Farrapos venceu em 2017 por 66 x 12 já.

 

Do outro lado, é vez do segundo “SanCha” do ano, pois Porto Alegre irá parar para o clássico citadino entre San Diego, que não é campeão gaúcho desde 2009, e Charrua, campeão estadual pela última vez em 2006. O duelo vem sendo de muita igualdade nos últimos confrontos, mas com vantagem para o San Diego, que venceu o Charrua em 3 os últimos 4 confrontos, incluindo o de 2017, 11 x 00. A marca do clássico vem sendo de vitórias magras para qualquer um dos lados e dificilmente essa semifinal fugirá disso.

 

Campeonato Paulista

Sábado, dia 03 de junho

Semifinais

versus copiar

15h00 – Poli x São José

Árbitro: Mariano de Goycoechea / Assistentes: Victor Hugo Barboza e Guillaume Riberá

Local: CEPEUSP – São Paulo, SP

 

versus copiar

15h00 – Jacareí x SPAC

Árbitro: Renato Scalércio / Assistentes:Rafael Nichioka e Guilherme Zaparoli

Local: Campo do Balneário – Jacareí, SP

 

Campeonato Gaúcho

Sábado, dia 03 de junho

Semifinais

versus copiar

15h00 – Farrapos x SC Rugby – Facebook FGR – AO VIVO

Local: Estádio da Montanha – Bento Gonçalves, RS

 

versus copiarcharrua novo

15h00 – San Diego x Charrua

Local: Sociedade Hípica – Porto Alegre, RS

 

Foto: Pedro Girardeli – Poli