ARTIGO COM VÍDEOS – Quatro clubes fecharam a quarta rodada da Challenge Cup, a segunda copa europeia, de forma invicta: Edinburgh (Escócia), Connacht (Irlanda), Pau (França) e Newcastle Falcons (Inglaterra).

Os escoceses do Edinburgh estão a apenas 1 ponto da classificação às quartas de final, sendo o destaque até aqui com 100% de aproveitamento de pontos: 4 vitórias bonificadas em 4 jogos. Vitória de 78 x 00 sobre os russos do Krasny Yar na sexta passada, abrindo 8 pontos de frente sobre o Stade Français. Os parisienses ao menos respiraram na chave a o vencerem na Inglaterra o London Irish por 26 x 20 graças a um try do fullback Tony Ensor já com o tempo esgotado.


O Connacht também está muito próximo de avançar após derrotar por 55 x 10 o Brive, após marcar 38 pontos num segundo tempo avassalador no Grupo 5. O vice da chave é o Worcester, que ajudou os irlandeses tropeçando com derrota de 27 x 00 para o Oyonnax.

Já o Pau venceu duelo francês contra o Agen para seguir na ponta do Grupo 3. 26 x 12 cruciais, que, no entanto, não foram suficientes para alargarem a frente- hoje de 3 pontos – sobre o vice Gloucester, pois os ingleses também fizeram sua parte aplicando 69 x 12 sobre o Zebre.

No Grupo 1, o Newcastle Falcons sofreu mas venceu em Gales, fora de casa, o Dragons por 27 x 25, abrindo 7 pontos de frente sobre os galeses na luta pela ponta. A vitória crucial veio com Hodgson chutando bem decisivo aos 65′. O Bordeaux, no outro jogo, fez sua parte mas sem convencer, vencendo por duros 36 x 27 os russos do Enisei.


Já o Grupo 2 é o único que tem um líder que não está invicto. Os galeses do Cardiff Blues lideram e se recuperaram da última derrota com uma importante vitória em casa sobre o Sale Sharks por 14 x 06, resguardando 4 pontos de frente sobre o Lyon. Os Lobos seguiram na cola ao vencerem o ex gigante Toulouse no clássico francês da rodada, 21 x 11, tomando a segunda posição do maior campeão europeu, agora em situação delicadíssima na Challenge Cup.

 

challenge cup eprc copy copy

EPCR Challenge Cup – 2ª copa europeia

- Continua depois da publicidade -

Pau 26 x 12 Agen

Oyonnax 27 x 00 Worcester Warriors

Dragons 25 x 27 Newcastle Falcons

Bordeaux 36 x 27 Enisei

Edinburgh 78 x 00 Krasny Yar

Gloucester 69 x 12 Zebre

London Irish 20 x 26 Stade Français

Connacht 55 x 10 Brive

Lyon 21 x 11 Toulouse

Cardiff Blues 14 x 06 Sale Sharks

ClubePaisCidadeJogosPontos
Grupo 1
Newcastle FalconsInglaterraLa Rochelle523
BordeauxFrançaBordeaux516
DragonsGalesNewport511
EniseiRússiaKrasnoyarsk51
Grupo 2
Cardiff BluesGalesCardiff517
Sale SharksInglaterraSalford (Manchester)511
LyonFrançaLyon510
ToulouseFrançaToulouse59
Grupo 3
PauFrançaPau524
GloucesterInglaterraGloucester521
AgenFrançaAgen56
ZebreItáliaParma53
Grupo 4
EdinburghEscóciaEdimburgo524
Stade FrançaisFrançaParis513
London IrishInglaterraReading511
Krasny YarRússiaKrasnoyarsk55
Grupo 5
ConnachtIrlandaGalway521
Worcester WarriorsInglaterraWorcester515
BriveFrançaBrive512
OyonnaxFrançaOyonnax54
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;

- O 1º colocado de cada grupo e os 3 melhores 2ºs colocados se classificam às quartas de final.

 

Continental Shield conhece seus classificadosPor Giorgio Vuerich

Com o fim da primeira fase foram decididos os times finalistas do Continental Shield, a terceira copa europeia. Os romenos do Timisoara vão enfrantar os georgianos do Batumi e os italianos do Calvisano duelarão com os alemães Heidelberger nas quartas de final em janeiro, com os vencedores se classificando para enfrentarem os times russos – Enisei e Krasny Yar – nas semifinais.

Na quarta rodada, os times italianos se enfrentaram. Em Calvisano, os anfitriões atropelaram os rivais dos últimos quatro anos, os “Bersaglieri” de Rovigo. 34×0 o placar final que garante aos lombardos a semifinal. Mesma coisa em Pádua, onde o Petrarca atropelou por 41×7 um desmotivado Viadana, já fora dos jogos de qualificação. Mas os “padovani” não conseguiram avançar.

Em Portugal, os alemães de Heidelberger passaram facilmente por 38×7 pelos lisboetas do CDUL. Um resultado fundamental para os jogadores teutônicos que, assim, acessaram o mata-mata.

No dérbi da Europa Oriental, os anfitriões do Batumi, da Geórgia, derrotaram o Timisoara Saracens da Romênia por 20×17, em jogo recheado pela rivalidade entre os dois países. Eles se encontrarão de novo na semifinal ida e volta.

 

EPCR Continental Shield – 3ª copa europeia

Batumi 20 x 17 Timisoara Saracens

Calvisano 34 x 00 Rovigo

Petrarca Padova 41 x 07 Viadana

CDUL 07 x 38 Heidelberger RK

ClubePaisCidadeJogosPontos
Grupo 1
Timisoara SaracensRomêniaTimisoara414
Heidelberger RKAlemanhaHeildelberg413
RovigoItáliaRovigo411
ViadanaItáliaViadana46
Grupo 2
CalvisanoItáliaCalvisano412
BatumiGeórgiaBatumi412
PetrarcaItáliaPadova411
CDULPortugalLisboa44
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;

- As equipes de um grupo enfrentam apenas equipes do outro grupo;i
- Os 2 primeiros colocados de cada grupo avançam ao mata-mata

 

Quartas de final – em janeiro (ida e volta)

Batumi x Timisoara Saracens

Calvisano x Heidelberger RK

 

Montauban é o dono da Pro D2

A segunda divisão da França tem um dono: é o Montauban. Os verdes seguiram na liderança da competição após 16 rodadas ao atropelarem o Vannes por 73 x 00, beneficiando-se ainda das derrotas de Mont de Marsan para o Angouême, 16 x 13, e do Grenoble para o Béziers por 38 x 08. Em outro destaque, o Perpignan conseguiu grande vitória fora de casa sobre o Bayonne por 30 x 12, subindo para o terceiro lugar geral.




 

prod2

Pro D2 – 2ª Divisão do Campeonato Francês 2017-18

Bayonne 12 x 30 Perpignan

Nevers 16 x 12 Colomiers

Montauban 73 x 00 Vannes

Massy 13 x 09 Carcassonne

Narbonne 17 x 31 Aurillac

Angoulême 16 x 13 Mont de Marsan

Béziers 38 x 08 Grenoble

Dax 19 x 16 Biarritz

ClubeCidadeJogosPontos
MontaubanMontauban1964
Mont-de-MarsanMont-de-Marsan1960
PerpignanPerpignan1959
GrenobleGrenoble1957
BiarritzBiarritz1951
ColomiersColomiers1951
BéziersBéziers1948
VannesVannes1940
BayonneBayonne1940
AurillacAurillac1938
AngoulêmeSoyaux-Angoulême1937
NeversNevers1937
MassyMassy (Paris)1936
DaxDax1930
NarbonneNarbonne1929
CarcassonneCarcassonne1923
- Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
- Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;
- Derrota por mais 6 pontos ou mais = 0 pontos;
- 1º e 2º lugares: classificação direta às Semifinais;
- 3º ao 6º lugares: classificação à Repescagem para as Semifinais;
- 15º e 16º lugares: rebaixamento

 

Rodada também do Trofeo Eccellenzapor Giorgio Vuerich

San Donà tem já vaga garantida para a final do Trofeo Eccellenza, a Copa da Itália. Em Reggio Emilia, num jogo muito lutado e emocionante,  os vênetos conseguiram a vítória nos minutos finais 31×29 (5 tries contra 4) sobre os donos da casa. Na outra chave, no clássico da capital, o Fiamme Oro se impôs por 31×10 sobre a Lazio. Agora aos “policias” falta apenas um ponto para a qualificação garantida.

 

Trofeu Eccellenza – Copa da Itália

Reggio 29×31 San Donà

Fiamme Oro 31×10 Lazio

 

Grupo 1: San Donà 14 (3 jogos), Reggio 7 (3), Mogliano 1 (2)

Grupo 2: Fiamme Oro 14 (3 jogos),  I Medicei 4 (2), Lazio 3 (3)