ARTIGO COM VÍDEO – Apenas mais um torneio pela frente. A Série Mundial de Sevens masculina está muito próxima de conhecer seu grande campeão da temporada e o título está cada vez mais próximo de Fiji. Isso porque nesse fim de semana os fijianos brilharam em Londres conquistando o título da penúltima etapa do circuito. O estádio de Twickenham testemunhou uma verdadeira final do circuito com Fiji derrotando a África do Sul na decisão do título do torneio, abrindo 7 pontos de frente sobre os Boks antes da etapa decisiva, em Paris, no próximo fim de semana. Com o resultado, bastará a Fiji alcançar as semifinais para faturar o título da temporada.

Depois de um primeiro dia intenso (clique aqui para conferir como foi o sábado em Londres), o domingo largou com Fiji dando show na primeira das quartas de final o fazer 40 x 07 sobre o Canadá. Na sequência, a zebra irlandesa seguiu, com a Irlanda derrotando os Estados Unidos por 22 x 12 para se tornar a primeira seleção convidada a alcançar as semifinais de um torneio da Série Mundial. Perry Baker fez falta para os EUA em Londres.
Precisando vencer de qualquer modo, a África do Sul foi a campo para o clássico contra a Nova Zelândia, que vive momento de transição. Jogo duro de 14 x 05 para os Boks, com tries de Oosthuizen e Sage. Por fim, os ingleses festejaram em casa triunfo sobre a Austrália , 21 x 17, com tries de Ellery, Norton e Davis.

A sensação irlandesa acabou por cair nas semifinais diante de um inquebrável Fiji, 38 x 12, com verdadeiro show do time do Pacífico. Já na outra semi, África do Sul e Inglaterra travaram uma emocionante batalha, 29 x 19, com Kok, Snyman, Senatla, Gens e Gedulde frustrando a torcida inglesa com um desempenho sólido dos verde e outros.
Nas disputas menores, Quênia provou sua força faturando o Challenge Trophy, despachando Argentina e Gales no meio do caminho, com Collins Injera novamente decidindo. Já a Nova Zelândia derrotou a Austrália na semifinal de quinto lugar e venceu a decisão contra os EUA.

Na sequência, foi a vez de Twickenham parar para assistir à decisão do bronze entre Inglaterra e Irlanda e os verdes seguiram insaciáveis, com Jordan Conroy fazendo seu nome com um hat-trick (3 tries) que garantiu o épico bronze para a Irlanda, 21 x 19.
Na finalíssima, os Boks novamente não tiveram Senatla desde o início, com o craque entrando apenas no segundo tempo na equipe. Fiji, por sua vez, teve força máxima, incluindo Radradra e Tuisova no time principal. Gans abriu o marcador para a África do Sul, mas Tuisova deu o troco e Dranisinukula virou o placar. Nel respondeu para os Boks, mas Veremalua marcou o terceiro de Fiji. No fim, Davids marcou para os sul-africanos, mas não houve tempo para a virada. 21 x 17 e vitória categoria de Fiji, que venceu seu quarto torneio consecutivo.

- Continua depois da publicidade -

London Sevens – 9ª etapa da Série Mundial de Sevens Masculina – em Londres, Inglaterra – dias 2 e 3 de junho

Grupo A: Fiji, Nova Zelândia, Escócia e Argentina

Grupo B: Austrália, Espanha, Gales e Irlanda

Grupo C: Inglaterra, Quênia, Estados Unidos e França

Grupo D: África do Sul, Samoa, Canadá e Rússia

 

Sábado, dia 02 de junho

Das 05h30 às 14h40, horários de Brasília

Samoa 00 x 14 Canadá

África do Sul 31 x 00 Rússia

Espanha 24 x 12 Gales

Austrália 33 x 07 Irlanda

Nova Zelândia 24 x 12 Escócia

Fiji 28 x 19 Argentina

Quênia 19 x 19 Estados Unidos

Inglaterra 34 x 00 França

Samoa 17 x 29 Rússia

África do Sul 17 x 07 Canadá

Espanha 10 x 38 Irlanda

Austrália 20 x 12 Gales

Nova Zelândia 36 x 05 Argentina

Fiji 39 x 12 Escócia

Quênia 24 x 21 França

Inglaterra 14 x 31 Estados Unidos

Canadá 29 x 10 Rússia

África do Sul 12 x 21 Samoa

Gales 21 x 19 Irlanda

Austrália 28 x 22 Espanha

Escócia 19 x 22 Argentina

Fiji 27 x 07 Nova Zelândia

Estados Unidos 38 x 14 França

Inglaterra 38 x 12 Quênia

 

Domingo, dia 03 de junho

Das 05h30 às 14h30, horários de Brasília

Argentina 19 x 14 Samoa – Quartas de final Challenge Trophy (9º lugar)

Quênia 38 x 00 Espanha – Quartas de final Challenge Trophy (9º lugar)

Rússia 15 x 10 Escócia – Quartas de final Challenge Trophy (9º lugar)

Gales 33 x 29 França – Quartas de final Challenge Trophy (9º lugar)

Fiji 40 x 07 Canadá – Quartas de final ouro

Estados Unidos 12 x 22 Irlanda –  Quartas de final ouro

África do Sul 14 x 05 Nova Zelândia – Quartas de final ouro

Austrália 17 x 21 Inglaterra –  Quartas de final ouro

Samoa 26 x 10 Espanha – Semifinal pelo 13º

Escócia 43 x 21 França – Semifinal pelo 13º

Argentina 10 x 42 Quênia – Semifinal do Challenge Trophy (9º lugar)

Rússia 12 x 27 Gales – Semifinal do Challenge Trophy (9º lugar)

Canadá 19 x 27 Estados Unidos – Semifinal pelo 5º lugar

Nova Zelândia 38 x 07 Austrália – Semifinal pelo 5º lugar

Fiji 38 x 12 Irlanda – Semifinal ouro

África do Sul 29 x 19 Inglaterra – Semifinal ouro

 

Finais:

Samoa 34 x 10 Escócia – Disputa de 13º lugar

Quênia 33 x 19 Gales – Disputa de 9º lugar (Challenge Trophy)

Estados Unidos 05 x 26 Nova Zelândia – Disputa de 5º lugar

Irlanda 21 x 19 Inglaterra – Decisão BRONZE

Fiji 21 x 17 África do Sul- Decisão OURO – Final

 

SeleçãoPontuação totalEtapa 1Etapa 2Etapa 3Etapa 4Etapa 5Etapa 6Etapa 7Etapa 8Etapa 9Etapa 10
África do Sul18222171919151717151922
Fiji18015131222172222222213
Nova Zelândia15019221315131015131317
Austrália12313822171212519105
Inglaterra1221710101010131171519
Estados Unidos11711215822151281212
Argentina105519177191013258
Quênia10410310121019191083
Canadá765153572771015
Samoa591255133321231
Espanha567711271010110
Escócia551012105810522
França5381083818115
Gales493572553577
Rússia261151155151
- 15º colocado = rebaixamento;
PS: nossa tabela não mostra a pontuação das equipes convidadas


Pontuação:
1º - 22 pontos; 2º - 19 pts; 3º - 17 pts; 4º - 15 pts;
5º - 13 pts; 6º - 12 pts; 7º e 8º - 10 pts;
9º - 8 pts; 10º - 7 pts; 11º e 12º - 5 pts;
13º - 3 pts; 14º - 2 pts; 15º e 16º - 1 pt.