Fim de semana com Chile x Argentina e Grand Prix Europeu de Sevens

Nesse sábado, em La Pintana, na Grande Santiago, os Cóndores do Chile fecharão a Sudamérica Rugby Cup (Copa Sul-Americana, máximo troféu da América do Sul) recebendo a Argentina XV, o time de desenvolvimento dos argentinos.

 

Os Cóndores encararam os argentinos durante o Americas Rugby Championship e saíram derrotados por 52 x 15 na Argentina. Do time argentino que jogou aquela partida, 11 atletas seguem no time, enquanto no Chile são 14 atletas que permaneceram no elenco. O Chile parte em busca de uma vitória que jamais aconteceu, ao passo que a Argentina XV precisa de apenas um empate para confirmar mais um título do torneio antes de embarcar para a disputa da Copa das Nações do World Rugby na Romênia.

 

Sábado, dia 04 de junho

chile logoversus copiarUAR_copy_copy.jpg

16h30 – Chile x Argentina XV, em Santiago

Árbitro: Joaquin Montes (Uruguai)

*Horário de Brasília

 

Chile

Avançados: Manuel Gurruchaga (COBS), Ignacio Álvarez (COBS), Javier Richard (COBS), Luis Sepulveda (Los Troncos), Gustavo Carrasco (Old Boys), Tomás Dussaillant (Old Boys), Mario Mayol (Old Boys), Domingo De La Fuente (Old Mackayans), Raimundo Piwonka (PWCC), Nicolás Venegas (Stade Français), Benjamín Soto (Stade Français), Claudio Zamorano (Stade Français), Hernán Amigo (Universidad Católica), José Tomás Munita (Universidad Católica)

Linha: Matías Contreras (Alumni), Rodrigo Fernández (COBS), Jan Hasenlechner (COBS), Matías Nordenflycht (COBS), Beltrán Vergara (Old Boys), Francisco Neira (Old John’s), Germán Herrera (Old Navy), Pablo Casas (PWCC), Juan Pablo Perrotta (U Católica), José Ignacio Larenas (Universidad Católica), Humberto Chacaltana (Universidad Católica)

 

Argentina XV

Avançados: Felipe Arregui (Duendes, Rosario), Santiago Iglesias (Universitario, Tucumán), Facundo Bosch (CUBA, URBA), Axel Zapata (SITAS), Franco Brarda (Tala, Córdoba), Enrique Pieretto (Córdoba Athletic, Córdoba), Facundo Gigena (Tala, Córdoba), Felipe Arregui (Duendes, Rosario), Cristian Bartoloni (Pucará, URBA), Pedro Ortega (Universitario, Rosario), Ignacio Larrague (CASI, URBA), Sacha Casañas (Hindú, URBA), José Deheza (Jockey Club, Córdoba), Santiago Portillo (Los Tarcos, Tucumán), Lucas Maguire (CUBA, URBA), Santiago Montagner (Alumni, URBA), Lautaro Bavaro (Hindú, URBA).

Linha: Gonzalo Bertranou (Los Tordos, Cuyo), Felipe Ezcurra (Hindú, URBA), Marcos Bollini (Newman, URBA),  Joaquín Díaz Bonilla (Hindú, URBA), Joaquín Paz (Córdoba Athletic, Córdoba), Gabriel Ascárate (Jaguares), Bruno Devoto (CASI, URBA), Juan Cappiello (Pucará, URBA), Segundo Tuculet (Los Tilos, URBA), Franco Cuaranta (Tala, Córdoba), Sebastián Cancelliere (Hindú, URBA), Pedro Mercerat (La Plata, URBA), Gonzalo Gutiérrez Taboada (Newman, URBA).

SeleçãoPJVEDPPPCSP
Argentina622001052085
Uruguai32101473215
Chile0100226126-100

– Vitória = 3 pontos;
– Empate = 1 ponto;
– Derrota = 0 pontos;

 

Moscou recebe a abertura do Grand Prix Europeu Masculino

Sábado (4) e domingo (5) também são dias da primeira etapa masculina da temporada 2016 do Grand Prix Europeu de Sevens, o circuito europeu, que neste ano contará com três etapas envolvendo 12 seleções centrais e uma novidade: a substituição de Inglaterra e Gales por duas seleções da Grã-Bretanha, os “Royals” e os “Lions”, entrando em ritmo de preparação para os Jogos Olímpicos.

 

As seleções britânicas vão fortes para o torneio na Rússia, com o técnico Simon Amor escalando nomes do XV galês e escocês em seus elenco, já pensando no Rio 2016. O time A, chamado de “Royals”, irá com Cory Allen (da seleção galesa de XV), Tom Bowen, Alex Davis, Jamie Farndale, Alex Gray , Warwick Lahmert, Ollie Lindsay-Hague, Ruaridh McConnochie, Luke Morgan, Scott Riddell, Joe Simpson e Luke Treharne (c), ao passo que o time dos “Lions” terá Mark Bennett (seleção escocesa de XV), Dan Bibby, Phil Burgess, Sam Cross, James Davies, Richard de Carpentier, Lee Jones, Gavin Lowe, Tom Mitchell (c), Dan Norton, Mark Robertson e Marcus Watson.

 

Ao final das três etapas, a última colocada entre as 12 seleções será rebaixada, dando lugar à campeã do Rugby Europe Sevens Trophy, o circuito da segunda divisão. Campeã da segundona do ano passado, a Polônia foi promovida no lugar da rebaixada Romênia para 2016. A Escócia, seleção central da Série Mundial de Sevens, abandonou há dois anos o Grand Prix Europeu, assim como a Holanda, por questões financeiras.

 

A segunda etapa ocorrerá em Exeter, na Inglaterra, no dias 9 e 10 de julho, enquanto a terceira e última etapa será na sequência em Gdansk, na Polônia, nos dias 16 e 17.

 

Já o Rugby Europe Sevens Trophy, a segunda divisão, é composto também por 12 seleções que disputam duas etapas, sendo que a primeira acontece no fim de semana seguinte, nos dias 11 e 12 de junho, em Malmö, na Suécia, ao passo que a etapa final será em Ricany, na República Tcheca, nos dias 2 e 3 de julho. Enquanto o campeão será promovido ao Grand Prix Europeu, os dois últimos colocados serão rebaixados à terceira divisão, a Rugby Europe Sevens Conference 1, que conta com 10 seleções e apenas um torneio, em local ainda a ser definido, em julho. Por fim, a Europa ainda tem uma quarta divisão de sevens masculino, a Rugby Europe Conference 2, que tem 8 seleções e também será jogada no mês que vem, em local a ser definido. Duas seleções serão rebaixadas da Conference 1 para a Conference 2, com dois promovidos.

 

grand prix 2016

Moscow Sevens – 1ª etapa Grand Prix Series – Circuito Europeu Masculino de Sevens – em Moscou, Rússia

Grupo A: França, Portugal, Grã-Bretanha “Lions” e Polônia

Grupo B: Espanha, Alemanha, Bélgica e Itália

Grupo C: Grã-Bretanha “Royals”, Rússia, Lituânia e Geórgia

 

Circuito Europeu Masculino de Sevens 2016

Grand Prix Series (1ª divisão) – 3 etapas (Moscou, Rússia – 4 e 5 de junho / Exeter, Inglaterra – 9 e 10 de julho / Gdnask, Polônia – 16 e 17 de julho).

Participantes: Grã-Bretanha “Royals”, Grã-Bretanha “Lions”, França, Rússia, Portugal, Espanha, Alemanha, Itália, Geórgia, Bélgica, Lituânia e Polônia

 

Rugby Europe Sevens Trophy (2ª divisão) – 2 etapa (Malmö, Suécia – 11 de 12 de junho / Ricany, Rep. Tcheca – 2 e 3 de julho)

Participantes: Romênia, Irlanda, Ucrânia, Letônia, Israel, Moldávia, Chipre, República Tcheca, Dinamarca, Mônaco, Eslovênia e Suécia

 

Rugby Europe Conference 1 (3ª divisão) – 1 etapa (a definir)

Participantes: Hungria, Croácia, Noruega, Suíça, Eslováquia, Bulgária, Luxemburgo, Bósnia, Sérvia e Turquia

 

Rugby Europe Conference 2 (4ª divisão) – 1 etapa (a definir)

Participantes: Áustria, Malta, Estônia, San Marino, Islândia, Bielorrússia, Montenegro e Liechtenstein

Comentários