ARTIGO COM VÍDEOS – O PRO12, a Liga Ítalo-Celta, está chegando a seu final e com uma surpresa. Na 19ª rodada (de um total de 22 rodadas), o poderoso e atual campeão Leinster sofrer uma improvável derrota para o fraco Newport Gwent Dragons e se viu, com três rodadas para o fim, a 8 pontos da zona de classificação às semifinais. Os quatro primeiros colocados – Glasgow, Munster, Ulster e Ospreys – venceram e dificultaram a vida do time de Dublin.

 

Glasgow, Munster e Ulster seguem com tudo

Na Escócia, o Glasgow Warriors recebeu o pobre Cardiff Blues, que faz uma temporada completamente desnorteada. Os escoceses não tiveram a menor dificuldade para se imporem, garantindo 36 x 17. Com mais de 7 mil torcedores (casa cheia), os Warriors fizeram um primeiro tempo impecável, arrancando em menos de 40 minutos seu bônus. Peter Horne foi o destaque do jogo, fazendo três dos cinco tries do time.

- Continua depois da publicidade -

Munster e Ulster estão empatados no segundo lugar, apenas dois pontos abaixo de Glasgow. O Munster viajou à Escócia e derrotou o Edinburgh por 34 x 3. O primeiro tempo foi parelho, com os irlandeses fazendo somente um try de Duncan Casey. Mas, na segunda etapa, os vermelhos atropelaram, cruzando o in-goal mais quatro vezes, com Earls, Murray, Stander e Zebo.

O Ulster, por sua vez, visitou o Connacht no dérbi irlandês da rodada e despachou o bom time adversário, que segue na zona de classificação à Champions Cup. Foi um primeiro tempo implacável do escrete de Belfast, que anotou logo 17 x 0, com Ludik, Bowe e Gilroy fazendo três tries. No segundo tempo, o Connacht reagiu com tries de Matt Healy e O’Halloran, mas Rory Best e Bowe deram o troco e asseguraram o triunfo do Ulster, 27 x 20.



 

Dragons despacha Leinster e mira Champions Cup

Em contraste com o boa fase de Munster e Ulster, e com sua própria forma na Champions Cup, o Leinster perdeu fôlego em sua corrida pelas semifinais do PRO12. Poupando titulares, os azuis visitaram o Dragons, em Gales, e sofreram uma dura derrota. O time de Newport abriu 8 x 0 com try de Rhys Thomas, mas os irlandeses reagiram, se impuseram e viraram o placar com dois tries de Ben Te’o e um de Jimmy Gopperth, parecendo que a vitória do Leinster era questão de tempo. Contudo, Te’o foi do céu ao inferno, levou cartão amarelo e o Dragons produziu uma grande virada. Jack Dixon, com um try, e James Benjamin, com dois tries, viraram o placar os galeses, assegurando o improvável triunfo que manteve o Dragons na luta por uma vaga na Champions Cup.

O fim de semana foi mesmo bom para os galeses, com Ospreyes e Scarlets também alcançando importantes vitórias. O Ospreys se manteve no quarto lugar ao vencer na Itália o Treviso por 33 x 13, com Rhys Webb fazendo o try do ponto-bônus no fim. Já o Scarlets teve dificuldades extras para superar o Zebre também em solo italiano. 28 x 26, após 13 x 13 no primeiro tempo. A vitória foi conquistada com um penal nos instantes finais de Rhys Priestland, evitando o vexame.



 

Inflama a luta por uma lugar nas finais do EccellenzaPor Giorgio Vuerich

No grande jogo da rodada italiana, o Fiamme Oro venceu em Viadana e deu um grande passo pelos mata-mata, enquanto um passo para trás deu o San Donà, perdendo em casa o clássico com Petrarca

Os policiais do Fiamme Oro impuseram-se por 23 x 21, marcando 14 pontos nos últimos três minutos do jogo com dois tries. O primeiro tempo terminouem 14 x 6, com o Viadana na frente graças aos tries de McKinley e Amadasi, enquanto os policiais ainda estavam agarrados aos pé do Benetti. Na segunda metade, os anfitriões colocaram outro try com Buondonno, mas nos últimos três minutos valeu tudo. Bacchetti e Marinaro os tries do Fiamme Oro garantiram a virada.

O I Cavalieri Prato encerrou a rodada matematicamente rebaixado à Serie A, ao perder para L’Aquila por 45 X 26. O O jogo não teve emoção, com os anfitriões na frente por 31 x 7 ao intervalo. No fim, o 6 x 4 em tries, dando o bônus aos dois times.

No estadio Battaglini de Rovigo os anfitriões ganham por 55 x 32 do Mogliano (primeiro e terceiro na tabela) em clássico vêneto.  Em apenas 30 ‘ Rovigo alcançou o bônus marcando quatro tries, com Majstorovic (2), Lubian e Ceccato, e fechou a primeira etapa do jogo em 40 x 13. Na segunda metade, tries de McCann e Farolini para Rovigo, enquanto o Mogliano pegou ao menos um bônus com tries de Ceccato, Semenzato e Filippucci.

Em San Donà, o Petrarca Padova venceu o jogo com um penal de Marcato nos acréscimos. Placar final, 22 x 19. Com isso, San Donà perdeu a oportunidade de alcançar o Fiamme Oro na luta pela vaga nos mata-mata. Por fim, o Calvisano venceu em Roma a Lazio , seguindo na vice-liderança. 30 x 20

 

guinness pro12

Guinness PRO12 – Liga de Escócia, Gales, Irlanda e Itália

Glasgow Warriors 36 x 17 Cardiff Blues, em Glasgow

Benetton Treviso 13 x 33 Ospreys, em Treviso

Connacht 20 x 27 Ulster, em Glaway

Zebre 26 x 28 Scarlets, em Parma

Edinburgh 3 x 34 Munster, em Edimburgo

Dragons 25 x 22 Leinster, em Newport

ClubePaísCidadeJogosPontos
Glasgow WarriorsEscóciaGlasgow2275
MunsterIrlandaLimerick e Cork2275
OspreysGalesSwansea2274
UlsterIrlandaBelfast2269
LeinsterIrlandaDublin2262
ScarletsGalesLlanelli2257
ConnachtIrlandaGalway2250
EdinburghEscóciaEdimburgo2248
DragonsGalesNewport2242
Cardiff BluesGalesCardiff2235
Benetton TrevisoItáliaTreviso2219
ZebreItáliaParma2215

 

Eccellenza Logo

Campionato di Eccellenza – Campeonato Italiano

Lazio 20 x 30 Calvisano, em Roma

Rovigo 55 x 32 Mogliano, em Rovigo

San Donà 19 x 22 Petrarca Padova, em San Donà

L’Aquila Rugby 45 x 26 I Cavalieri Prato, em L’Aquila

Viadana 21 x 23 Fiamme Oro, em Viadana

ClubeCidadeJogosPontos
RovigoRovigo1876
CalvisanoCalvisano1872
MoglianoMogliano1860
Fiamme OroRoma1852
San DonàSan Donà1850
ViadanaViadana1845
Petrarca Padova1843
LazioRoma1832
L'AquilaL'Aquila1810
I Cavalieri PratoPrato18-3