ARTIGO COM VÍDEOS – O Natal chegou, mas nem isso para o Top 14, que disputou todas as suas partidas no sábado (23) deixando o dia de natal para os jogadores e torcedores passarem com a família. A rodada porém foi quente, com direito a troca de líder e muito mais, com o Top 14 mais uma vez mostrando porque que é o campeonato mais difícil de para se jogar como visitante, com todos os mandantes vencendo os seus jogos. O Montpellier (1º) se sagrou campeão do outono, batendo em casa o Lyon (7º) e se aproveitando da derrota do La Rochelle (2º) diante do Bordeaux (8º).

A batalha do Atlântico, a partida disputada entre Bordeaux e La Rochelle é o clássico regional entre a capital, e uma das cidades mais importantes da França, e o pequeno porte atlântico a apenas algumas horas de distância e como sempre não faltaram emoções, mesmo que o rugby tenha ficado em segundo plano em alguns momentos. A partida, disputada  diante de 36 000 torcedores terminou com os donos da casa, o Bordeaux, vencendo por 29 a 19, e tirando os atlânticos da liderança, o jogo, muito físico, se encaminhava para uma vitória tranquila, mas teve contornos épicos depois que o segundo centro do time da terra dos vinho, Jean Baptiste Dubie,  recebeu um cartão vermelho, aos 20’ da segunda etapa, por um soco. O Bordeaux, depois de uma série ruim de partidas, mostra mais uma vez que tem muito talento apenas precisando de maior constância.

A missão do Montpellier parecia fácil, bater, em casa, o combalido Lyon e se sagrar campeão do outono. O placar, 38 a 17, não representa o que foi a partida, com o time azul e branco empatando em 17 a 17 até os últimos 20 minutos de partida, as dificuldades do veterano abertura  François Steyn, que errou quase todos os chutes e complicou a situação da equipe, mas foi salvo pela brilhante atuação do ponta Timoci Nagusa, que anotou três tries. Com a vitória o time da casa se mantém na luta com o La Rochelle e afunda ainda mais os lobos, que parecem ter perdido o gás do início da temporada.

Cada vez mais perto dos líderes está o Castres (3º), que emplacou a sexta vitória seguida, sobre o Stade Français (11º) por 28 a 6, e mostra cada vez mais qualidade, com a fanática torcida já pensando novamente na possibilidade um título, do lado dos parisienses a situação continua crítica, com o time mais uma temporada lutando para não cair. Se de um lado da cidade luz o natal será de preocupação do outro a situação é oposta, o Racing (4º) bateu o Toulouse (6º), por 23 a 19 conquistando a primeira vitória na sua arena remodelada. A vitória e a festa da torcida garantiram as comemorações dos parisienses, o jogo porém deixou a desejar com um grande número de knock-ons, mais de 20, que atrapalharam o espetáculo, para os occitanos, apesar da derrota o ponto bônus é bem vindo.


Ainda buscando o seu melhor jogo o Toulon (5º) bateu o frágil Oyonnax (14º) por 49 a 25, apesar do placar elástico os milionários tiveram algumas dificuldades, indo para o vestiário atrás no placar. Como é comum em Toulon o espetáculo foi tanto dentro quanto fora de campo, buscando trazer os torcedores de volta ao estádio, que tem se desinteressado depois da campanha ruim do time no Top 14, o presidente Mourad Boudjellal, organizou um espetáculo no melhor estilo americano, com direito a Dj, inauguração de novos bares e muitas outras atrações.

O melhor jogo da rodada, porém, ficou por conta do Pau (9º) e Clermont (10º). A pequenina equipe do interior francês mais uma vez mostrou sua força e bateu, por 22 a 21, o poderoso time de amarelo, que segue sem vencer fora de casa nessa temporada. A partida, disputada até o fim foi decidida em uma jogada inusitada. O Clermont tinha um scrum, no ultimo minuto de jogo, na sua linha de 22, tendo apenas de recuperar a bola para sacramentar sua vitória, a formação porém desmonta e o pilar reserva do Clermont , Kakabadze, dá um tapa no adversário, denunciado pelo árbitro de vídeo ele recebe um amarelo e um penal deixando uma conversão fácil para os donos da casa, que viraram a partida no ultimo lance.

No duelo dos desesperados o Agen (12º) levou a melhor sobre o Brive (13º) vencendo por 27 a 13. A partida, fundamental para a permanência de ambas as equipes, foi muito disputada, mais pela baixa qualidade técnica dos times do que pelo jogo em sí. Mesmo assim a situação continua tensa para ambos os times.

Montauban defende a ponta da Pro D2
Na segunda divisão, o Montauban seguiu líder ao vencer dura batalha fora de casa contra o Aurillac, 22 x 16. O destaque da rodada foi a reabilitação do Grenoble, que bateu o Bayonne no duelo dos times rebaixados do Top 14 por 28 x 23.


Top 14 logo novo

Top 14 – Campeonato Francês 2017-18

Racing 23 x 19 Toulouse

- Continua depois da publicidade -

Agen 27 x 13 Brive

Bordeaux 29 x 19 La Rochelle

Montpellier 38 x 17 Lyon

Castres 28 x 06 Stade Français

Pau 22 x 21 Clermont

Toulon 49 x 25 Oyonnax

ClubeCidadeJogosPontos
MontpellierMontpellier1547
La RochelleLa Rochelle1546
Racing Paris1546
CastresCastres1542
ToulonToulon1538
ToulouseToulouse1538
Lyon Lyon1537
Bordeaux-BèglesBordeaux1537
PauPau1535
ClermontClermont-Ferrand1531
Stade FrançaisParis1527
BriveBrive1524
AgenAgen1523
OyonnaxOyonnax1514
- Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
- Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;
- Derrota por mais 6 pontos ou mais = 0 pontos;

- 1º e 2º lugares = classificação direta às Semifinais e à Champions Cup;
- 3º ao 6º lugares = classificação à Repescagem para as Semifinais e à Champions Cup;
- 13º lugar = Repescagem contra o Rebaixamento
- 14º lugar = Rebaixamento direto

 

prod2

Pro D2 – 2ª Divisão do Campeonato Francês 2017-18

Grenoble 28 x 23 Bayonne

Perpignan 26 x 03 Narbonne

Aurillac 16 x 22 Montauban

Biarritz 34 x 24 Angoulême

Carcassonne 24 x 14 Nevers

Mont de Marsan 24 x 06 Massy

Colomiers 31 x 12 Dax

Vannes 32 x 00 Béziers

ClubeCidadeJogosPontos
MontaubanMontauban1964
Mont-de-MarsanMont-de-Marsan1960
PerpignanPerpignan1959
GrenobleGrenoble1957
BiarritzBiarritz1951
ColomiersColomiers1951
BéziersBéziers1948
VannesVannes1940
BayonneBayonne1940
AurillacAurillac1938
AngoulêmeSoyaux-Angoulême1937
NeversNevers1937
MassyMassy (Paris)1936
DaxDax1930
NarbonneNarbonne1929
CarcassonneCarcassonne1923
- Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
- Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;
- Derrota por mais 6 pontos ou mais = 0 pontos;
- 1º e 2º lugares: classificação direta às Semifinais;
- 3º ao 6º lugares: classificação à Repescagem para as Semifinais;
- 15º e 16º lugares: rebaixamento

 

Escrito por: Diego Gutierrez

Foto: