No Top 14, Rennes é anunciada como sede das semifinais e Clermont questiona contratações do Toulon

O rugby francês terá em 2016 uma reta final diferente. No ano que vem, a França receberá a Euro Copa de futebol em junho, o que obrigará o Top 14, o Campeonato Francês de Rugby, a realizar sua grande final em um palco fora de Paris. O escolhido foi o Camp Nou, em Barcelona, que fora anunciado já no começo deste ano.

 

Porém, as semifinais da competição também costumam ser em um campo neutro, mas os grandes estádios do país serão usados para a competição da bola redonda. Hoje, a liga francesa anunciou sua escolha para o palco das semifinais: será a cidade de Rennes, na Bretanha, que viverá no dia 18 de junho uma jornada intensa de muito rugby com as duas semifinais rolando no Roazhon Park, casa do clube de futebol Rennes, com capacidade para 30.000 espectadores.

 

Esta é a terceira vez que a liga francesa escolhe para as semifinais uma cidade que não possui equipes profissionais de rugby. Em 2013, o palco fora Nantes e em 2014 Lille.

 

Clermont questiona Toulon quanto a quebra de teto salarial

Nesta semana, após a dura derrota para o Toulon, pelo Top 14, o Clermont questionou seu rival. Franck Azéma, treinador dos amarelos, questionou se o Toulon está de fato seguindo o teto salarial da liga, que hoje impede que qualquer clube gaste mais do que 10 milhões de euros em salários para atletas por temporada. O atual elenco do Toulon, com um enorme número de atletas renomados e caros, muito superior ao de qualquer outro clube do Top 14, levantou as suspeitas do treinador, que indagou sobre como estaria sendo feita a fiscalização da quebra de teto salarial e sobre qual estratégia o Toulon estaria usando para não ficar preso nas contratações ao teto atual.

 

Trinh-Duc deixa o Montpellier e assina com o Toulon

O abertura François Trinh-Duc, de 29 anos, com 50 jogos pela seleção francesa, anunciou que deixará o Montpellier (única camisa que vestiu até hoje) ao final da temporada. O atleta assinou contrato com ninguém menos que o galático Toulon, por três anos, e possivelmente ocupará o lugar de Michalak, que está próximo da aposentadoria.

 

Mike Phillips anuncia aposentadoria da seleção

O scrum-half galês Mike Phillips, atualmente no Racing, da França, anunciou que não jogará mais por sua seleção. O atleta de 33 anos tem 94 jogos por Gales e outros 5 pelos British and Irish Lions.

 

Comentários