Ohio dispara no PRO Rugby enquanto Belgrano vence clássico e assume ponta em Buenos Aires

ARTIGO COM VÍDEOS – Hora de dar uma olhada no rugby doméstico das Américas! Nos Estados Unidos, o PRO Rugby esteve a todo vapor, enquanto na Argentina o URBA Top 14 é sempre destaque.

 

Ohio dispara no PRO RugbyPor Leandro Vieira

Nos Estados Unidos, o fim de semana do PRO Rugby teve direito a duelo direto pela classificação e clássico californiano contra a lanterna.

 

Em San Francisco, o Rush recebeu seu rival californiano Sacramento Express e sofreu dura derrota, freando sua reação na tabela. Sacramento começou pressionando bastante pelo lado esquerdo e aos 5 minutos Falcon abriu o placar com try após um scrum, Bergamasco converteu. O segundo try veio aos 10 minutos após jogada rápida de inversão para a ponta direita, Cody Jerabek.

 

Aos 20 minutos, Langilangi Haupeakui recuperou a bola ainda no campo defensivo e correu sozinho mais de 50 metros para anotar mais um try. Kyle Sumsion fechou os primeiros quatro tries dos verdes que ainda se beneficiaram com o nervosismo do time da casa.

 

Tevita Tameilau marcou o primeiro try do Rush e o segundo saiu na jogada seguinte, Orene Ai’i. Fukofuka ainda marcou seu try no ultimo lance da primeira etapa, depois de um scrum muito bem executado com o passe de Orene Ai’i. Final de primeiro tempo: Express 26 a 19.

 

San Francisco não produziu pontos na segunda etapa.  Haupeakui anotou mais um try, de maneira oportunista, viu a brecha e carregou na saída do scrum, convertido por Bergamasco que ainda acertaria um penal.  Aos 29, scrum para os Express na linha dos 5 metros, a defesa vermelha não resistiu, penaltry. A equipe do Rush ainda teve que segurar muito a pressão até o apito final. Sacramento Express 43, San Francisco Rush 19.

 

No outro jogo da jornada, em Columbus, o Ohio Aviator recebeu o San Diego Breakers e deu um passo decisivo rumo à classificação à final. Os Breakers começaram pressionando o time da casa, mas com vacilo na defesa, cedeu os primeiros 3 pontos para os Aviators, Shaun Davies de penal. Kurt Morath descontou também com penal e assim foram os primeiros 20 minutos de um jogo difícil. O primeiro try veio após boa movimentação no maul que Dylan Fawsitt apoiou, com Shaun Davies garantindo a conversão. Morath descontou tambem em cobrança. Fawsitt parecia um back e aos 30 minutos marcou mais um try, dessa vez em velocidade numa linda jogada coletiva oriunda desde a linha defensiva dos 22. Final do primeiro tempo: Aviators 20 a 6.

 

No segundo tempo, demorou 8 minutos para um try aparecer. Na formação de scrum, os Breakers falharam e o oitavo dos Aviators não desperdiçou o try em uma defesa completamente desarranjada, o mesmo não podemos dizer de Davies que o vento desviou a trajetória da sua cobrança de conversão. Morath garantiu mais 3 pontos com penal, mas viu seu time perder o gás.

Estava demorando para Aaron Spike Davis aparecer, ele marcou seu try na extrema ponta direita, ignorando a presença da marcação. O artilheiro do campeonato novamente foi destaque, Davis fez mais um, a troca de passes do San Diego foi parar nas mãos do adversário, ele não pensou e logo foi correndo pra mergulhar.  Aos 67 minutos Kalm fez o o ultimo try do jogo após trabalho no maul. Placar Ohio Aviators 44, San Diego Breakers 21.

 

pro rugby logo

PRO Rugby – Liga profissional norte-americana

San Francisco 19 x 43 Sacramento

Ohio 44 x 21 San Diego

 

Equipe Cidade Jogos Pontos
Denver Stampede Denver 12 48
Ohio Aviators Columbus 12 47
San Diego Breakers San Diego 12 25
San Francisco Rush San Francisco 12 24
Sacramento Express Sacramento 12 18

 

Belgrano vence clássico e lidera o URBA Top 14

Na Argentina, o destaque ficou por conta de um dos mais tradicionais clássicos de Buenos Aires: Belgrano x Alumni, pelo URBA Top 14, o Campeonato de Buenos Aires. 29 x 15 para El Marrón, que lidera a competição ao lado do Hindú. O Elefante também venceu, 28 x 17 sobre o lanterna Mariano Moreno, e se aproveitou das derrotas dos times de San Isidro. O CASI caiu diante do San Luis, magros9 x 6 em La Plata, ao passo que o SIC foi superado pelo CUBA em clássico regional por 16 x 10, reabilitando os “universitários”. Belgrano, Hindú e San Luis são os únicos invictos após 4 rodadas.

 

urba logo(4)

URBA Top 14 – Campeonato de Buenos Aires

CUBA 16 x 10 SIC

Mariano Moreno 17 x 28 Hindú

Pucará 06 x 14 Los Tilos

Atlético del Rosario 09 x 21 Regatas Bella Vista

Newman 10 x 15 La Plata

Belgrano 29 x 15 Alumni

San Luis 09 x 06 CASI

 

Equipe Jogos Pontos
Hindú Club 13 54
Belgrano Athletic 13 51
San Luis 13 40
Regatas Bella Vista 13 39
Newman 13 39
SIC 13 38
CASI 13 35
CUBA 13 35
Alumni 13 25
La Plata 13 21
Pucará 13 20
Atlético del Rosario 13 18
Los Tilos 13 13
Mariano Moreno 13 00

– Vitória = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota = 0 pontos;
– Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
– Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;

– 1º e 2º colocados – Classificação às semifinais e ao Nacional de Clubes;
– 3º a 6º colocados – Classificação à Repescagem para as semifinais e ao Nacional de Clubes;
– 7º a 10º colocados – Mata-mata pelo 7º lugar (vaga no Nacional de Clubes de 2017);
– 13º e 14º colocados – Rebaixados





Foto: Belgrano x Alumni – La Nación

Comentários