ARTIGO COM VÍDEOS – O Guinness PRO14 retornou à ação nesse fim de semana e seus líderes se reergueram. Após serem derrotados na Champions Cup, Glasgow Warriors e Scarlets voltaram a vencer e lideram seus grupos. Destaques também para Leinster e Connacht triunfando nos clássicos irlandeses e para o Zebre, que quase venceu os Cheetahs.

Olhos para o sul-africano Mapimpi, o Cheetahs, artilheiro da liga em tries, com 7, e para o galês Steff Evans, dos Scarlets, líder de assistências, metros ganhos e linhas quebradas.

 

Leinster e Connacht fortes nos clássicos irlandeses

- Continua depois da publicidade -

Em Belfast, capital da Irlanda do Norte, o clássico entre Leinster e Ulster foi dominado pelos visitantes, que levaram a vitória para a capital da República da Irlanda, 25 x 10. Larmour e Reidy trocaram tries no primero tempo e quem roubou a cena na segunda etapa foi Luke McGrath, com 2 tries para Leinster, fazendo jus ao domínio territorial obtido pelos visitantes.

Já em Galway, o Connacht conseguiu um precioso triunfo de 20 x 16 sobre o Munster. Simon Zebo cravou o primeiro try do Munster logo aos 3′, mas Tiernan O’Halloran respondeu ainda na primeira etapa com try dos verdes e, aos 66′, o Munster foi reduzido a 14 homens por vermelho, levando a virada com try de Tom Farrell.


Scarlets e Ospreys falam mais alto em Gales

Nos clássicos de Gales, Sacrlets e Ospreys levaram a melhor. Os Scarlets colocaram 30 x 17 sobre o combalido Cardiff, com 2 tries em cada tempo e quase o dobro de metros ganhos pelos vermelhos na partida. Steff Evans e Jonathan Evans marcaram os tries decisivos do bônus nos 15 minutos finais. Já os Ospreys largaram a lanterna derrotando os Dragons por 28 x 14, em um jogo muito aberto e ofensivo que acabou com 4 tries a favor do time de Swansea. O try do bônus saiu com Maafu Fia aos 70′.


 

Rodada perfeita para a Escócia

Os escoceses tiveram um fim de semana perfeito. O Glasgow Warriors recebeu os sul-africanos do Kings, que simplesmente não somarm nenhum ponto na classificação até aqui, e atropelaram por 43 x 13. Foram 7 tries para os Warriors, incluindo um de Stuart Hogg logo na primeira bola do jogo. Já o Edinburgh foi à Itália e derrotou o aguerrido Treviso no detalhe. 24 x 13, com Doug Fife marcando os 2 tries decisivos para os escoceses, que tiveram menos posse de bola mas souberam ser mais efetivos.

 

Cheetahs caçam a zebra

No outro jogo realizado na Itália, o Zebre recebeu os sul-africanos do Cheetahs e quase conseguiu a vitória. Foi um jogão que começou com Mapimpi abrindo o placar para os Cheetahs, que logo viram os italianos se imporem, virarem o placar e abrirem 23 x 14 com tries de Minozzi (em grande jogada da linha) e Fabiani. Mapimpi fez o segundo dos Cheetahs aos 68′ e a virada saiu dramaticamente na última bola, com penal certeiro de Zeilinga. 24 x 23 para os sul-africanos, mas a evolução italiana segue.

Calvisano lidera o Eccellenza italianopor Giorgio Vuerich

No jogo mais importante do Eccellenza italiano, os Gladiadores do Calvisano continuaram com a liderança na tabela após vencerem o Petrarca em casa. Os vênetos abriram o placae aos 4’ com um penal try. Aos 24’, o cartão vermelho para o pilar do Petrarca Acosta deixou o time da casa com um a menos e os visitantes aproveitavam a oportunidade marcando três tries. 19×16 o final.

Apesar de ter perdido em Rovigo, o Viadana manteve a vice-liderança. No estádio Battaglini os Bersaglieri ganharam por 28×24.  Já o San Donà subiu na tabela vencendo em Roma a Lazio. Parecia que os romanos conseguiriam obter a primeira vitória, mas nos últimos 30’ os vênetos marcaram dois tries e conseguiram a virada, 27×20.

O time surpresa do inicio temporada é o “I Medicei” de Florença, que em Mogliano atropelou os anfitriões 49×10, marcando cinco tries. Por fim, vitória dos policiais do Fiamme Oro contra o lanterna Reggio, em Reggio Emilia, 27×13.

 

Guinness PRO14 – Liga de Irlanda, Gales, Escócia, Itália e África do Sul

Scarlets 30 x 17 Cardiff Blues

Ulster 10 x 25 Leinster

Zebre 23 x 24 Cheetahs

Treviso 13 x 24 Edinburgh

Ospreys 28 x 14 Dragons

Glasgow Warriors 43 x 13 Kings

Connacht 20 x 16 Munster

ClubePaísCidadeJogosPontos
Grupo A
Glasgow WarriorsEscóciaGlasgow838
MunsterIrlandaLimerick/Cork826
CheetahsÁfrica do SulBloemfontein820
ConnachtIrlandaGalway816
Cardiff BluesGalesCardiff815
ZebreItáliaParma812
OspreysGalesSwansea811
Grupo B
ScarletsGalesLlanelli834
UlsterIrlandaBelfast828
LeinsterIrlandaDublin827
EdinburghEscóciaEdimburgo823
Benetton TrevisoItáliaTreviso814
DragonsGalesNewport810
KingsÁfrica do SulPorto Elizabeth802
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por 7 pontos ou menos de diferença = 1 pontos extra;

- 1ºs colocados de cada grupo = classificação direto às Semifinais e à Champions Cup;
- 2ºs e 3ºs lugares de cada grupo - classificação à Repescagem para as Semifinais e à Champions Cup;
- 4ºs colocados - repescagem pela Champions Cup;
- Nota: as equipes sul-africanas não podem se classificar à Champions Cup;

 

eccellenza logo novo

Eccellenza – Campeonato Italiano

Lazio 20 x 27 San Donà

Rovigo 28 x 24 Viadana

Calvisano 19 x 16 Padova

Mogliano 10 x 49 I Medicei

Reggio 13 x 27 Fiamme Oro

ClubeCidadeJogosPontos
CalvisanoCalvisano729
RovigoRovigo727
Petrarca Padova726
ViadanaViadana720
Fiamme OroRoma719
San DonàSan Donà718
I MediceiFlorença717
LazioRoma76
ReggioReggio Emilia75
MoglianoMogliano74
- Vitória = 4 pontos;
- Empate = 2 pontos;
- Derrota = 0 pontos;
- Anotar 4 ou mais tries = 1 ponto extra;
- Perder por diferença de 7 pontos ou menos = 1 ponto extra;
- 1º ao 4º lugares - classificação às Semifinais;

*Não haverá rebaixamento, pois o Eccellenza será expandido para 12 clubes em 2018-19

 

Foto: Leinster x Ulster – INPHO/PRO14