Super Rugby tem datas anunciadas para 2016 e com time japonês confirmado

Além do anúncio da manutenção da Copa do Mundo de 2019 no Japão, a Terra do Sol Nascente comemorou hoje também o lançamento do calendário 2016 do Super Rugby que incluiu a franquia japonesa. Ainda sem nome e sem atletas ou comissão técnica contratados, o time que representará o Japão na competição está ameaçado pela organização da liga de fica de fora da temporada, mas, com o anúncio do calendário, os riscos de uma saída japonesa diminuíram.

 

O Super Rugby 2016 terá 18 equipes, três a mais que em 2015, com as entradas, além do time japonês, de uma franquia argentina – também ainda sem nome oficial – e de m sexto time sul-africano, o Kings, de Porto Elizabeth, que volta à competição depois de duas temporadas de ausência.O time japonês já anunciou que mandará suas partidas no Estádio Príncipe Chichibu, em Tóquio, com 30 mil lugares, enquanto o time argentina ainda não anunciou seu estádio, mas deverá mandar as partidas na região de Buenos Aires.

 

As 18 equipes foram divididas em quatro grupos, dois tendo quatro equipes e dois com cinco equipes, com cada time fazendo um total de 15 partidas – 7 ou 8 em casa e 7 ou 8 fora de casa. Haverá um grupo com cinco equipes da Austrália, um grupo com cinco equipes da Nova Zelândia, um grupo com três equipes da África do Sul e um da Argentina e um grupo com outras três equipes da África do Sul e um do Japão. Os campeões de cada grupo avançarão às quartas de final na condição de mandantes das partidas, enquanto quatro equipes avançarão pela classificação geral, sendo obrigatoriamente um entre os dois grupos que têm equipes da África do Sul, Argentina e Japão e outras três da soma dos grupo com equipes de Austrália e Nova Zelândia.

 

A largada do Super Rugby 2016 ocorre no dia 26 de fevereiro, mas a primeira partida em solo argentino ocorre somente no dia 19 de março, com a equipe da Argentina enfrentando o Chiefs, da Nova Zelândia. A primeira fase conta com 17 rodadas, sendo que cada equipe joga 15 rodadas e folga em 2. Cada time enfrenta todos os demais de seu grupo ao menos uma vez e completa seu calendário contra times dos demais grupos ou com jogos de volta contra times de seu grupo. O torneio terá uma pausa entre 30 de maio e 30 de junho para os amistosos internacionais e a primeira fase se encerra apenas no dia 16 de julho, com as quartas de final ocorrendo nos dias 22 e 23 do mesmo mês e as semifinais nos dias 29 e 30. A grande final está marcada para 6 de agosto.

 

Clique aqui para baixar baixar a tabela completa de jogos (em inglês)

 

Grupo Neozelandês: Blues (Auckland), Chiefs (Hamilton), Crusaders (Christchurch), Highlanders (Dunedin) e Hurricanes (Wellington);

 

Grupo Australiano: Brumbies (Canberra), Force (Perth), Rebels (Melbourne), Reds (Brisbane) e Waratahs (Sydney);

 

Grupo Sul-Africano 1: Bulls (Pretória), Cheetahs (Bloemfontein), Stormers (Cidade do Cabo) e Japão (Tóquio);

 

Grupo Sul-Africano 2: Kings (Porto Elizabeth), Lions (Joanesburgo), Sharks (Durban) e Argentina (Buenos Aires).

 

Comentários