A Seleção Brasileira Masculina de Sevens jogou neste fim de semana o Seven de Viña del Mar, no Chile, segunda e última etapa do Circuito Sul-Americano de Sevens masculino. O Brasil brigava por vaga na Copa do Mundo de Sevens e no Hong Kong Sevens, mas ao cair no domingo diante do Uruguai nas quartas de final acabou sendo eliminado da disputa pelas vagas sul-americanas nesses dois torneios, que acabaram nas mãos de Chile e Uruguai.

Os uruguaios ainda levaram a melhor na concorrência com o Chile e conseguiram as vagas como equipe convidada para as etapas de Las Vegas e Vancouver da Série Mundial de Sevens. Com isso, os Tupis voltarão a campo no sevens apenas em abril, em Cochabamba, na Bolívia, para os Jogos Sul-Americanos, que valem classificação para os Jogos Pan-Americanos de 2019.

A África do Sul acabou como campeã do torneio de Viña del Mar e também do Circuito, vencendo a França na decisão no Chile. O Uruguai foi o melhor entre os times sul-americanos, deixando apenas pela segunda vez na história a Argentina para trás.

 

- Continua depois da publicidade -

Brasil larga com empate em Viña

No primeiro embate do sábado, os Tupis encararam a boa equipe da Irlanda e saíram de campo com um empate em 14 x 14. Os irlandeses largaram na frente, mas os Tupis empataram o jogo e largaram o segundo tempo na frente, com De Wet marcando os dois tries. Porém, no finzinho, os irlandeses arrancaram o try de empate.

 

Brasil vence Paraguai mas o placar não é dos melhores

Enxergando a necessidade de se manter à frente, a partida contra o Paraguai começou com try brasileiro, Stefano cruzando o in-goal. Felipe Sancery ainda marcou o segundo, mas a defesa deu chance para o paraguaio Sérgio Alvarenga também marcar o seu e o resultado se aproximou, 10 x 07. De Wet e Laurent, duas vezes, ainda avançaram novamente ao campo adversário, mas as falhas de defesa deixaram o resultado apertado: Brasil 29 x 21 Paraguai.

 

Empate com a África do Sul encerra primeiro dia positivo para o Brasil

O jogo mais aguardado do dia reservou um bom resultado para o Brasil. Quem começa abrindo o placar e marcando a conversão foi Moisés Duque, mostrando sua relevância na equipe. Em seguida, com Selvyn Davids marcando de volta, o primeiro tempo encerrou empatado, 07 x 07.

O retorno deu quase Brasil, Moisés ainda assinalou mais um convertido e até o final do segundo tempo os Tupis lideravam, no entanto, a resposta do empate chegou, Muller du Plessis fez a parte dos Boks, 14 x 14.

O dia se encerrou com dois empates e uma vitória.

 

Fim do sonho

O domingo começou decepcionante para os Tupis, que encararam o concorrente direto a um lugar na Copa do Mundo e no Hong Kong Sevens, o Uruguai, e acabaram derrotados, dando adeus ao sonho da classificação inédita ao Mundial. O jogo começou com os Teros largando na frente com try de Diego Ardao, mas o Brasil deixou tudo igual antes do intervalo com De Wet cravando o try. O segundo tempo foi parelho e seguiu em 7 x 7 até os instantes finais, quando o carrasco Etcheverry fez o try da vitória dos Teros, 14 x 07.

Com esse resultado, Chile e Uruguai se garantiram na Copa do Mundo e no Hong Kong Sevens.

 

Brasil em 8º

O Brasil acabou em oitavo lugar no torneio e no circuito fechando o domingo com mais duas derrotas. Primeiro, os Tupis perderam para a Alemanha (virou tabu), por 14 x 07, com Daniel Sancery fazendo o try brasileiro.

Depois, os Tupis caíram contra o Chile na decisão de 7º lugar, 24 x 12, no único jogo no mês entre os dois selecionados, mostrando que os chilenos ainda estão na frente no sevens. Moisés e Josh marcaram para o Brasil.

 

África do Sul e Uruguai campeões

O Uruguai acabou festejando entre as seleções sul-americanas, ao avançar às quartas de final e contar com as derrotas de Argentina para a Irlanda e do Chile diante da França nas quartas. O resultado deixou o Uruguai acima do Chile e da Argentina na classificação geral, com os Teros pela primeira vez desde 2012 sendo os melhores do sevens masculino sul-americano.

O título do circuito, por sua vez, ficou pelo segundo ano seguido com um time de fora da América do Sul. Desta vez foi a seleção de desenvolvimento da África do Sul (com quem o Brasil empatou no sábado) a grande campeã. Depois de vencer o título de Punta, a Boks Academy ficou com a taça também de Viña, despachando a Alemanha, nas quartas, o Uruguai, na semifinal, e a França na decisão.

 

Elenco do Brasil: André Arruda “Buda” (Desterro), Ariel Rodrigues (Jacareí), Daniel Sancery (São José), Felipe Sancery (São José), Josh Reeves (Jacareí), Lucas Muller (Desterro), Lucas Tranquez “Zé” (SPAC), Matheus Cruz (Jacareí), Matheus Daniel “Matias” (Jacareí), Moisés Duque (São José), Robert Santos (Pasteur), Stefano Giantorno (São José), De Web Van Niekerk (Poli), Laurent Bourda-Couhet (Band Saracens);

 

Seven Viña – Sudamérica Rugby Sevens 2018 – 2ª etapa do Circuito Sul-Americano

Grupo A: África do Sul, Brasil, Irlanda e Paraguai

Grupo B: Chile, Alemanha, Argentina e Canadá

Grupo C: França, Uruguai, Colômbia e Estados Unidos

 

*Horários de Brasília

Sábado, dia 13 de janeiro

12h20 – Brasil 14 x 14 Irlanda

12h40 – África do Sul 29 x 00 Paraguai

13h00 – Uruguai 17 x 14 Colômbia

13h20 – França 33 x 07 Estados Unidos

13h40 – Alemanha 24 x 07 Argentina

14h00 – Chile 38 x 00 Canadá

 

15h40 – Brasil 29 x 21 Paraguai

16h00 – África do Sul 07 x 17 Irlanda

16h20 – Uruguai 17 x 12 Estados Unidos

16h40 – França 17 x 07 Colômbia

17h00 – Alemanha 17 x 12 Canadá

17h20 – Chile 17 x 15 Argentina

 

19h20 – Irlanda 43 x 00 Paraguai

19h40 – Brasil 14 x 14 África do Sul

20h00 – Colômbia 17 x 26 Estados Unidos

20h20 – Uruguai 17 x 14 França

20h40 – Argentina 31 x 12 Canadá

21h00 – Chile 19 x 22 Alemanha

 

Domingo, dia 14 de janeiro

12h10 – Semifinal pelo 9º lugar – Estados Unidos 36 x 10 Paraguai

12h30 – Semifinal pelo 9º lugar – Canadá 05 x 19 Colômbia

12h50 – Quartas de final – Irlanda 07 x 05 Argentina

13h10 – Quartas de final – África do Sul 26 x 12 Alemanha

13h30 – Quartas de final – Uruguai 14 x 07 Brasil

13h50 – Quartas de final – França 14 x 07 Chile

 

15h30 – Semifinal pelo 5º lugar – Alemanha 14 x 07 Brasil

15h50 – Semifinal pelo 5º lugar – Argentina 14 x 07 Chile

16h10 – Semifinal pelo 1º lugar – África do Sul 26 x 07 Uruguai

16h30 – Semifinal pelo 1º lugar – Irlanda 12 x 15 França

 

18h20 – Decisão do 11º lugar – Paraguai 05 x 36 Canadá

18h40 – Decisão do 9º lugar – Estados Unidos 14 x 12 Colômbia

19h00 – Decisão do 7º lugar – Brasil 12 x 26 Chile

19h40 – Decisão do 5º lugar – Alemanha 14 x 33 Argentina

20h00 – Decisão do 3º lugar – Uruguai 05 x 12 Irlanda

20h50 – FINAL (1º lugar) – África do Sul 34 x 07 França

 

Classificação final

SeleçãoPontos totaisEtapa de PuntaEtapa de Viña
África do Sul442222
França361719
Uruguai301515
Chile27198
Irlanda25817
Alemanha221210
Argentina19712
Brasil17107
Colômbia853
Estados Unidos835
Canadá422
Paraguai211

 

Histórico

AnoSedeCampeãoVice-campeão3º lugar4º lugar5º lugar6º lugar7º lugar8º lugar9º lugar10º lugar11º lugar12º lugar
2006Assunção (Paraguai)ArgentinaChileUruguaiParaguaiBrasilColômbiaVenezuelaPeru
2007Viña del Mar (Chile)ArgentinaChileParaguaiUruguaiBrasilPeruColômbiaVenezuela
2008Punta del Este (Uruguai)ArgentinaUruguaiChileBrasilColômbiaPeruParaguaiVenezuela
2009São José dos Campos (Brasil)ArgentinaChileUruguaiBrasilColômbiaParaguaiPeruVenezuela
2010Mar del Plata (Argentina)ArgentinaUruguaiChileBrasilColômbiaParaguaiPeruVenezuela
2011Bento Gonçalves (Brasil)ArgentinaUruguaiBrasilChileParaguaiColômbiaPeruVenezuela
2012Rio de Janeiro (Brasil)UruguaiArgentinaChileParaguaiBrasilPeruColômbiaVenezuelaGuatemalaEquador
2013Rio de Janeiro (Brasil)ArgentinaUruguaiBrasilChileColômbiaPeruParaguaiVenezuelaGuatemalaEquador
2014Santiago (Chile)ArgentinaUruguaiChileBrasilColômbiaParaguaiPeru
2015*Santa Fé (Argentina)ArgentinaUruguaiChileColômbiaParaguaiVenezuelaPeru
Circuito Sul-Americano
2017Punta del Este (Uruguai)ArgentinaFijiChileEstados UnidosUruguaiColômbiaCanadáBrasil
Viña del Mar (Chile)FijiArgentinaChileCanadáUruguaiColômbiaEstados UnidosBrasil
Geral:FijiArgentinaChileUruguaiCanadáEstados UnidosColômbiaBrasil
2018Punta del Este (Uruguai)África do SulChileFrançaUruguaiAlemanhaBrasilIrlandaArgentinaColômbiaEstados UnidosCanadáParaguai
Viña del Mar (Chile)África do SulFrançaIrlandaUruguaiArgentinaAlemanhaChileBrasilEstados UnidosColômbiaCanadáParaguai
GeralÁfrica do SulFrançaUruguaiChileIrlandaAlemanhaArgentinaBrasil ColômbiaEstados UnidosCanadáParaguai
*Em 2015, o Brasil não disputou porque o torneio valia como Pré-Olímpico para os Jogos Olímpicos do Rio 2016

A partir de 2017, o Campeonato Sul-Americano foi substituído pelo Circuito Sul-Americano, que conta com seleções convidadas de outros continentes também;

 

Foto: URU – Uruguai x Brasil

1 COMENTÁRIO