ARTIGO COM VÍDEOS – O sábado foi quente na luta pelas vagas na Copa do Mundo de 2019 e o 13º classificado ao Mundial foi conhecido: os Estados Unidos.

Jogando em casa, em San Diego, os estadunidenses fizeram o segundo duelo contra seus rivais canadenses, em pleno Canada Day (Dia do Canadá), após um empate em 28 x 28 no Canadá. O jogo de volta favorecia as Águias, que não perdem para os Canucks desde 2013, e elas não decepcionaram.

Os EUA largaram na frente com 2 tries em sequência do oitavo Cam Dolan, enquanto o segunda linha Nate Brakeley cravou o terceiro try aos 21′. Parecia que um passeio viria, mas o Canadá equilibrou as ações, McRorie chutou 3 penais e tudo parecia mudar no começo do segundo tempo, com os donos da casa reduzidos a 14 homens por amarelo. Os Canucks aproveitaram com try do asa Admir Cejvanovic, apertando o placar em 19 x 16. Porém, assim que os EUA tiveram novamente 15 homens o Canadá foi incapaz de resistir. Foram 2 tries seguidos do primeira linha Joe Taufete’e, com o pack das Águias voando baixo, e logo o Canadá se veria reduzido a 14 homens por amarelo. Assim, o jogo virou um atropelo, com mais 3 tries, pelas mãos de Augspurger, Waldren e Taufete’e novamente. Hat-trick de primeira linha e 52 x 16 com estilo no placar.

Esta foi a primeira vez que os Estados Unidos ficaram na frente do Canadá em uma Eliminatória para um Mundial. Agora, o Canadá irá encarar o Uruguai em 2 partidas, valendo a segunda vaga das Américas no Japão 2019.

- Continua depois da publicidade -

 

52versus copiar16

Estados Unidos 52 x 16 Canadá, em San Diego

Árbitro: Andrew Brace (Irlanda)

Estados Unidos

Tries: Taufete’e (3), Dolan (2), Augspurger, Waldren

Conversões: MacGinty (6)

15 Madison Hughes, 14 Mike Te’o, 13 Bryce Campbell, 12 Marcel Brache, 11 Ryan Matyas, 10 AJ MacGinty, 9 Nate Augspurger, 8 Cam Dolan, 7 Tony Lamborn, 6 Todd Clever (c), 5 Nick Civetta, 4 Nate Brakeley, 3 Chris Baumann, 2 James Hilterbrand, 1 Tony Purpura;

Suplentes: 16 Joe Taufete’e, 17 Ben Tarr, 18 Dino Waldren, 19 David Tameilau, 20 John Quill, 21 Andrew Durutalo, 22 Shaun Davies, 23 Will Magie;

Canadá

Try: Cejvanovic

Conversão: McRorie (1)

Penais: McRorie (3)

15 Ciaran Hearn, 14 Andre Coe, 13 DTH van der Merwe, 12 Connor Braid, 11 Taylor Paris, 10 Shane O’Leary, 9 Gordon McRorie, 8 Tyler Ardron, 7 Matt Heaton, 6 Admir Cejvanovic, 5 Evan Olmstead, 4 Brett Beukeboom (c), 3 Jake Ilnicki, 2 Ray Barkwill, 1 Djustice Sears-Duru;

Suplentes: 16 Benoit Piffero, 17 Anthony Luca, 18 Matt Tierney, 19 Kyle Baillie, 20 Aaron Carpenter, 21 Andrew Ferguson, 22 Nick Blevins, 23 Dan Moor;

 

Tonga sobrevive na disputa por 2019

O sábado na verdade começou com outro duelo válido pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2019. Tonga e Samoa se enfrentaram em jogo válido também pela abertura da edição 2017 da Copa das Nações do Pacífico, com Tonga voltando a jogar em casa pela primeira vez desde 2009, após a renovação de seu estádio nacional. A pressão estava sobre os ‘Ikale Tahi, pois Samoa precisava de uma simples vitória para assegurar sua classificação direta à Copa do Mundo. Não foi o que ocorreu.

Foi um jogão lá e cá digno de clássico, que teve Samoa abrindo o placar, mas com Tonga, apoiada por 10 mil torcedores, partindo para cima e guardando 2 tries em sequência logo no começo, com o asa Otenili Langilangi e o fullback debutante Atieli Pakalani. Samoa reagiu e o oitavo Faifili Levave fez o primeiro try dos visitantes, com Pisi e Takulua ainda trocando penais para levar o jogo ao intervalo em 17 x 16 a favor dos anfitriões.

No segundo tempo, Tonga cresceu, o scrum-half Takulua deixou seu try e o pack tonganês ainda cravou um penal try para abrir 30 x 19. No fim, o ponta Alapati Leiua ainda cruzou o in-goal para Samoa e conseguiu um precioso bônus defensivo, mas já era tarde para uma virada. Tonga 29 x 26, números finais.

Tonga receberá Fiji no sábado que vem e ambos precisarão apenas de uma vitória para irem ao Mundial. Na Oceania, os 2 primeiros colocados da somatória das edição 2016 e 2017 da Copa das Nações do Pacífico garantirão vaga na Copa do Mundo, ao passo que o terceiro colocado deverá encarar o segundo colocado da zona europeia em repescagem.

 

tonga copy30versus copiar26samoa copy

Tonga 30 x 26 Samoa, em Nuku’Alofa

Árbitro: Marius Mitrea (Itália)

Tonga

Tries: Langilangi, Pakalani e Takulua

Conversões: Takulua (3)

Penais: Takulua (3)

15 ‘Atieli Pakalani, 14 David Halaifonua, 13 Nafi Tu’itavake, 12 Siale Piutau (c), 11 Cooper Vuna, 10 Latiume Fosita, 9 Sonatane Takulua, 8 Valentino Mapapalangi, 7 Nili Latu, 6 Dan Faleafa, 5 Sitiveni Mafi, 4 Leva Fifita, 3 Siua Halanukonuka, 2 Paula Ngauamo, 1 Siegfried Fisi’ihoi;

Suplentes: 16 Suliasi Taufalele, 17 Latu Talakai, 18 Ben Tameifuna, 19 Jack Ram, 20 Mike Faleafa, 21 Leon Fukofuka, 22 Kali Hala, 23 Tevita Taufui;

Samoa

Tries: Levave e Leiua

Conversões: Pisi (2)

Penais: Pisi (4)

15 Tim Nanai Williams, 14 Alapati Leiua, 13 Kieron Fonotia, 12 Reynold Lee-Lo, 11 David Lemi (c), 10 Tusi Pisi, 9 Kahn Fotualii, 8 Faifili Levave, 7 Galu Taufale, 6 Piula Faasalele, 5 Faatiga Lemalu, 4 Chris Vui, 3 Paul Alo-Emile, 2 Maatulimanu Leiataua, 1 Nephi Leatigaga;

Suplentes: 16 Elia Elia, 17 Jordan Lay, 18 James Lay, 19 Masalosalo Tutaia, 20 Taiasina Tuifua, 21 Auvasa Falealii, 22 D’Angelo Leuila, 23 Henry Taefu;


SeleçãoJogosPontos 2016Pontos 2017Pontos 2016-17
Fiji4080917
Tonga4010506
Samoa4040105

 

Na África, a Namíbia reina, mas Uganda lidera

A Copa da África chegou à sua segunda rodada neste sábado, com duas seleções fazendo, na verdade, suas estreias. A atual campeã Namíbia deu o pontapé inicial em sua campanha atropelando fora de casa a Tunísia, que retorna à elite continental. 53 x 07 no Norte da África.

Com Quênia e Zimbábue folgando, somente Uganda e Senegal entrando em campo pela segunda vez, em solo senegalês. E foi um confronto apertado, que terminou com vitória da agora líder Uganda por 17 x 16.

 

16versus copiar17

Senegal 16 x 17 Uganda, em Dakar

 

07versus copiar53namibia logo copy copy copy

Tunísia 07 x 53 Namíbia, em Monastir

 

EquipeJPts
Namíbia525
Quênia518
Uganda516
Tunísia58
Zimbábue57
Senegal52

 

Foto: USA Rugby