Toulouse vence a segunda e lidera o Top 14 isoladamente

ARTIGO COM VÍDEOS – O Top 14 francês terminou sua segunda rodada com emoções de sobra, mostrando que a competição tem tudo para ser ainda mais equilibrada que o costumeiro. O campeonato teve mais um empate, o terceiro em duas rodada, com o Bayonne (3º) ficando na igualdade no País Basco com o Castres (3º). Entre os favoritos o Toulon (10º) se recuperou e bateu fora de casa o Pau (13º), enquanto o Toulouse (1º) superou em casa o bom Bordeaux (7º) e no grande jogo da rodada o Clermont (4º) venceu longe de seus domínios o Montpellier (12º). Os parisienses tiveram uma rodada de extremos: o Racing (9º) não teve dificuldades para bater o Lyon (11º) em Paris, enquanto o Stade Français (8º) foi superado facilmente pelo Brive (6º) longe da capital. Entre as menores o La Rochelle (5º) mostrou que vem muito forte esse ano batendo nos Alpes o Grenoble (14º)

 

Clermont o grande vencedor da rodada

O jogo mais aguardado da rodada colocou em campos opostos dois fortes candidatos ao título com o Clermont viajando para enfrentar o Montpellier e voltando para casa com uma importante vitória por 26 a 22. O time amarelo continua a jogar muito bem fora de casa anotando dois tries, com o ponta Seru Nakaitaci e o asa reserva Paceli Yato, enquanto o Montpellier termina a rodada com uma atuação decepcionante, e a atitude covarde de uma equipe que no final de jogo, em casa, preferiu anotar um penal, e conquistar o ponto bônus, a buscar um try e a vitória. O time pecou muito na parte disciplinar, cedendo muitos penais, que compensaram com sobras o três tries da equipe, com o segunda linha Paul Willense, o oitavo sul-africano Pierre Spies e o o hooker Bismark Du Plessis, também ex Springboks.  O Montpellier viajará para enfrentar o Bordeaux enquanto o Clermont  continua na estrada para enfrentar o Stade Français.

 

Racing inicia seu campeonato

Depois da atuação desastrosa na primeira rodada muitos se perguntaram se a equipe seguiria os passos de Castres e Stade Français e brigaria para não cair após vencer o Top 14. O Racing porém mostrou que não pretende ser coadjuvante , atropelando o fraco Lyon em Paris, por 29 a 16,  conquistando o primeiro ponto bônus ofensivo da temporada . Anotaram para os donos da casa o ponta Juan Imhoff, o centro Henry Chavancy (duas vezes) e o fullback reserva Luc Ducalcon, o try de honra do Lyon foi marcado pelo hooker reserva Cameron Mapusua.

 

O Racing agora se prepara para receber o Toulouse, em um jogo que deve colocar a prova a verdadeira qualidade da equipe, o Lyon volta para casa receber o Grenoble, em um jogo chave na luta contra o rebaixamento.

 

Toulon conquista primeira vitória

Não foi bonito, mas mesmo assim um resultado positivo, do Toulon, que bateu fora de casa a Section Paloise, por 22 a 19, em um jogo muito duro. Apesar da derrota os donos da casa jogaram melhor, entrando no in-goal duas vezes com o ponta Watisoni Votu e o hooker reserva Quentin Lespiaucq, a equipe, porém pagou o preço por um scrum-fixo péssimo, que deu uma infinidade de penais para os adversário, que chegaram a vitória com apenas um try, do oitavo Charles Ollivon.

 

O Pau perde pontos importantes em casa, mas mostra algumas qualidades, apesar de precisar melhorar muito em alguns aspectos, o time agora recebe o Bayonne, um candidato direto na luta contra o rebaixamento. O Toulon conquista sua primeira vitória e agora pode jogar mais relaxado, em casa diante do Brive.

 

Toulouse vence segunda e é líder

Os maiores campeões franceses, apesar de uma atuação apagada, cumpriram a missão, batendo o Bordeax por 22 a 17 conquistando a segunda vitória seguida e assumindo a liderança. A partida colocou frente a frente dois times pouco inspirados em um jogo de poucas chances e muitos erros, com os times empatando em tries,  com o hooker Julien Marchand anotando para os donos da casa e o ponta Geoffrey Cross respondendo para os visitantes.

 

Depois de dois jogos em casa o Toulouse viaja para paris enfrentar o Racing, no maior desafio da temporada até agora. O Bordeaux volta para casa com um bom ponto bônus defensivo e recebe o Montpellier.

 

Brive se garante em casa

O Brive, depois do empate fora de casa na primeira rodada, mostrou que manteve os fundamentos da temporada passada batendo o Stade Français por 28 a 20 em seus domínios. O time, que possui um orçamento modesto para os padrões do Top 14 continua a apostar na dedicação e na força de sua casa, mostrando que deve roubar pontos de muitas equipes, eaté sonhar com uma classificação as finais. O nome do jogo foi o fullback Gaetan Germain, que anotou todos os pontos dos donos da casa, inclusive um try, do outro lado o SF entrou duas vezes no in-goal, com o oitavo Sergio Parisse e o centro reserva Hugo Bonneval , mas cedeu muitos penais.

 

O Brive viaja para enfrentar o Toulon, em uma partida muito difícil, o Stade Français apaga a boa impressão da estreia e volta para casa enfrentar o Clermont, que tem jogado muito bem longe de seus domínios.

 

Bayonne mostra sua força

O Bayonne mostra mais uma vez que não vai ser batido facilmente em casa nessa temporada. Depois de superar o Toulon a equipe deixa o País Basco com um empata em 12 a 12 com o Castres.  O placar apertado representa bem o que foi a partida, um jogo sem tries, muitos erros técnicos e por vezes violenta, com três amarelos.

 

O resultado, apesar de não ser perfeito, mostra que o Bayonne vem com uma equipe sólida, o time agora viaja para fazer sua primeira partida em território inimigo, contra a Section Paloise,  com um bom desempenho longe de casa sendo fundamental para as pretensões da equipe. O Castres volta para casa com um bom resultado e mede forças com o empolgado La Rochelle.

 

La Rochelle derruba tabu

Os atlânticos não venciam longe de seus domínios desde março de 2015, porém depois da boa vitória na abertura do campeonato o time viajou até os Alpes para bater o combalido Grenoble, que não vence a oito partidas, por 22 a 19. Apesar do placar apertado o jogo foi dos visitantes, que anotaram três tries, com o asa Zeno Kieft, o hooker Hikairo Forbes e o segundo centro Zack Holmes, contra apenas um, do fullback Gio Applon, dos donos da casa.

 

O Grenoble começa a competição já com a luz vermelha acendida, a equipe continua a descendente iniciada no final da temporada passada e parece não encontrar forças para sair o time viaja para enfrentar o Lyon, em uma partida entre duas equipes que devem lutar contra o rebaixamento. O La Rochelle tem o início dos sonhos e continua na estrada para enfrentar o Castres.

 

Começou a Pro D2!

Além do Top 14, a França viveu nesse fim de semana o início da temporada da Pro D2, a segunda divisão, e com vitórias dos gigantes Perpignan e Biarritz, que mostraram que podem ter, enfim, uma boa temporada. O Biarritz venceu o Narbonne por confortáveis 25 x 06 e já despontou como o líder da competição, enquanto o Perpignan venceu por 19 x 16 o Mont de Marsan, sempre forte quando o assunto é a “segundona”. Entre os times que foram rebaixados do Top 14, sortes distintas para Oyonnax e Agen. O Oyonnax largou bem, com triunfo sobre o caçula Angoulême, recém promovido da terceira divisão, por 36 x 10, ao passo que o Agen foi derrotado por 34 x 11 pelo Béziers, em duelo dos clubes que foram potências na era amadora. Outro novato, o Vannes, começou com alvissareira vitória sobre o Montauban, 23 x 20, fazendo a festa na Bretanha, enfim representada no rugby profissional francês.

 

Top 14 logo novo

Top 14 – Campeonato Francês 2016-17

Pau 18 x 22 Toulon

Grenoble 19 x 22 La Rochelle

Racing 29 x 16 Lyon

Bayonne 12 x 12 Castres

Brive 28 x 20 Stade Français

Toulouse 22 x 17 Bordeaux

Montpellier 22 x 26 Clermont

 

Clube Cidade Jogos Pontos
Clermont Clermont-Ferrand 16 51
La Rochelle La Rochelle16 16 50
Montpellier Montpellier 16 46
Toulouse Toulouse 16 42
Toulon Toulon16 16 41
Castres Castres 16 39
Bordeaux-Bègles Bordeaux 16 37
Brive Brive 16 36
Racing Paris 15 36
Stade Français Paris 16 34
Pau Pau 15 33
Lyon Lyon 15 28
Grenoble Grenoble 16 19
Bayonne Bayonne 15 16

– Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
– Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;
– Derrota por mais 6 pontos ou mais = 0 pontos;

– 1º e 2º lugares = classificação direta às Semifinais e à Champions Cup;
– 3º ao 6º lugares = classificação às Quartas de final e à Champions Cup;
– 13º e 14º lugares = Rebaixamento

 

prod2

Pro D2 – 2ª Divisão do Campeonato Francês 2016-17

Perpignan 19 x 16 Mont de Marsan

Dax 20 x 19 Aurillac

Vannes 23 x 20 Montauban

Oyonnax 36 x 10 Angoulême

Albi 23 x 23 Carcassonne

Bourgoin 19 x 18 Colomiers

Biarritz 25 x 06 Narbonne

Béziers 34 x 11 Agen

 

Clube Clube Jogos Pontos
Agen Agen 17 50
Oyonnax Oyonnax 17 49
Montauban Montauban 17 49
Aurillac Aurillac 17 45
Colomiers Colomiers 17 45
Angoulême Soyaux-Angoulême 17 44
Mont-de-Marsan Mont-de-Marsan 17 43
Carcassonne Carcassonne 17 41
Biarritz Biarritz 17 40
Narbonne Narbonne 17 39
Perpignan Perpignan 17 38
Dax Dax 17 33
Vannes Vannes 17 29
Albi Albi 17 29
Béziers Béziers 17 27
Bourgoin Bourgoin 17 19

– Vitória com 3 ou mais tries de diferença = 5 pontos;
– Vitória com menos de 3 tries de diferença = 4 pontos;
– Empate = 2 pontos;
– Derrota por 5 pontos ou menos pontos = 1 ponto;
– Derrota por mais 6 pontos ou mais = 0 pontos;
– 1º lugar: promoção ao Top 14
– 2º ao 5º lugares: mata-mata de promoção ao Top 14
– 15º e 16º lugares: rebaixamento


 

Escrito por: Diego Gutierrez

Comentários