O Americas Rugby Championship já acabou mas as atenções seguem no continente, pois nesse fim de semana tem a etapa de Vancouver, no Canadá, da Série Mundial de Sevens masculina. Será a 6ª de um total de 10 etapas da temporada 2016-17, com o BC Place, estádio coberto de futebol canadense e futebol recebendo as emoções do seven-a-side e com casa cheia. Investimento total dos canadenses nesse evento.

 

Haverá transmissão do BandSports no domingo, com horários a confirmar.

 

- Continua depois da publicidade -

O que esperar?

O circuito está cada vez mais encaminhado. Afinal, a África do Sul já faturou nada menos 4 etapas, abrindo oceânicos 24 pontos de distância sobre Fiji, campeão olímpico, que não venceu ainda nenhum torneio desde a saída do técnico Ben Ryan.

 

Os Blitzboks caíram no Grupo A e terão a pressão da Inglaterra, única seleção que venceu alguma etapa além dos sul-africanos. Haverá briga de artilheiros, com Specman duelando com Dan Norton, certamente. Quênia corre por fora, com performances sólidas de alguns atletas, em especial Odhiambo, líder de desempenho da temporada, mas ainda sem grandes picos. E o Chile, convidado do torneio, fecha a chave.

 

No Grupo B, Fiji corre contra o tempo e tem pela frente a Argentina, que andou assustou os favoritos nesta temporada, a decepcionante Samoa, que sempre complica contra seus vizinhos, e Gales, que começou com tudo mas sofreu uma queda.

 

Estados Unidos e Austrália prometem briga boa pela ponta do Grupo C, após grande campanha das Águias e ascensão dos aussies em Vegas. A França, ainda sem impressionar, corre por fora, com o Japão buscando sair da rabeira da tabela.

 

Por fim, a Nova Zelândia, que faz uma temporada para se esquecer, encabeça o Grupo D e precisa voltar a convencer. O time da casa, o Canadá, é a segunda força e vem em ótimo momento no sevens, enquanto a Escócia, de altos e baixos no ano, corre para desbancar um dos dois, sempre com boas chances. A Rússia sela o grupo sempre de olho em manter sua distância para o Japão na luta contra o rebaixamento.

 

SWS 2015-16 logo

Canada Sevens – 6ª etapa da Série Mundial de Sevens Masculina 2016-17 – em Vancouver, Canadá

Grupo A: África do Sul, Inglaterra, Quênia e Chile

Grupo B: Fiji, Argentina, Samoa e Gales

Grupo C: Estados Unidos, Austrália, França e Japão

Grupo D: Nova Zelândia, Canadá, Escócia e Rússia

 

Sábado, dia 11 de março

*Das 14h30 às 00h40 (horário de Brasília)

Austrália x França

Estados Unidos x Japão

Argentina x Samoa

Fiji x Gales

Inglaterra x Quênia

África do Sul x Chile

Canadá x Escócia

Nova Zelândia x Rússia

 

Austrália x Japão

Estados Unidos x França

Argentina x Gales

Fiji x Samoa

Inglaterra x Chile

África do Sul x Quênia

Canadá x Rússia

Nova Zelândia x Escócia

 

França x Japão

Estados Unidos x Austrália

Samoa x Gales

Fiji x Argentina

Quênia x Chile

África do Sul x Inglaterra

Escócia x Rússia

Nova Zelândia x Canadá

 

Domingo, dia 12 de março

*Das 13h30 às 22h45 (horário de Brasília)

Finais

 

SeleçãoPontuação totalEtapa 1Etapa 2Etapa 3Etapa 4Etapa 5Etapa 6Etapa 7Etapa 8Etapa 9Etapa 10
África do Sul19222192222221919122213
Inglaterra16417221019132210171519
Fiji1501913191319172210108
Nova Zelândia13710171217151313131710
Estados Unidos129810512171515191315
Austrália11313571512101715712
Escócia109121517153871922
Canadá983315310101022517
Argentina905713101012123810
Gales731510510382857
França661081075155105
Quênia63512828571015
Samoa5171357715123
Rússia291528115222
Japão201115223131
- 4 melhores entre Argentina, Samoa, Escócia, Canadá, Rússia e Japão irão à Copa do Mundo de Sevens de 2018;
- 15º colocado = rebaixamento;
PS: nossa tabela não mostra a pontuação das equipes convidadas


Pontuação:
1º - 22 pontos; 2º - 19 pts; 3º - 17 pts; 4º - 15 pts;
5º - 13 pts; 6º - 12 pts; 7º e 8º - 10 pts;
9º - 8 pts; 10º - 7 pts; 11º e 12º - 5 pts;
13º - 3 pts; 14º - 2 pts; 15º e 16º - 1 pt.

 

Foto: World Rugby