ARTIGO ATUALIZADO – O futuro do Super Rugby segue sendo pensado e debatido e nesta semana uma grande notícia veio de Fiji. Em reportagem do Daily Telegraph, foi revelado um plano de 20 milhões de libras (cerca de 85 milhões de reais) para a criação de uma equipe profissional em Fiji para entrar no Super Rugby entre 2018 e 2020.

 

O plano inclui a construção de um novo estádio em Suva, capital fijiana, para 20 mil pessoas, e teria o apoio de “multinacionais”, não reveladas, com a intenção de criar uma equipe referência no mundo, formada por atletas das Ilhas do Pacífico.

 

- Continua depois da publicidade -

A iniciativa inclusive foi comentada pelo ex técnico da seleção fijiana de sevens, o inglês Ben Ryan, medalhista de ouro no Rio 2016, que estaria também envolvido na empreitada.

 

Será?

 

Fiji premiado pelo título olímpico

Enquanto isso, a Seleção Fijiana de Sevens teve seu feito olímpico reconhecido, poucos dias depois de ser preterida na festa de premiação do World Rugby. Nesta quarta, Fiji foi eleito o “time do ano” na festa de premiação da Associação Internacional dos Comitês Olímpicos. Justo.